Jump to content

AutoForum.com.br - Som automotivo e automóveis  - O fórum dos maníacos por som automotivo e automóveis
- Proibido conteúdo impróprio para menores em tópicos públicos: Nudez estrategicamente coberta; Roupas transparentes; Poses obscenas ou provocantes; Close-ups de seios, nádegas ou virilhas; (em cumprimento a normas do Google) Qualquer desvio, denuncie ao moderador.
- Usuários do Hotmail/Outlook/Msn - confira tutorial para receber emails do fórum;
- Qualquer problema em algum post, DENUNCIE ao moderador, utilize o link abaixo de cada post.
- Confira tutorial para enviar fotos. Tão fácil quanto um CTRL+V. (17/09/2015)
- Encontro Sound Quality em São Paulo/SP domingo (18/08/2019) *****

Sign in to follow this  
PaLiOzIm

MEGACAPACITORES [Dúvida]

Recommended Posts

resumindo

cada caso é um caso

e é necessario saber qual o modulo a ser usado pra assim poder dimensioar o megacapacitor

Share this post


Link to post
Share on other sites

Pessoal

 

Apesar o Yamane ser um puta dum picareta, enganador safado :lol:

Vou concordar com ele. :lol:

 

A grande sacada do mega capacitor é manter a linha estável, funciona como se fosse o nitro do amp...

Mesmo sistemas de 100 WRMS tem muito a ganhar com o mega capacitor, pois a curva de descarga das baterias, mesmo as especiais, é lenta.

Eu tenho 1000 vatios no carro (400 pro estereo e 600 pro sub) e mesmo assim quando o trovão dura mais de 4 seg... sinto que falta força pro sistema de alimentação. E olha que o Marea tem o alternador mais forte da categoria, uso um cabo de 21mm2 pra cada amp, bateria especial e 1 mega cap...

Além disso o capacitor dá uma filtrada na linha diminuindo harmônicos e melhorando a qualidade da energia fornecida ao amp.

 

[]

 

 

Sandro

 

Renato, desculpa a brincadeira :rolleyes:

Share this post


Link to post
Share on other sites
tem da B52 com voltimetro

sai a R$330

ONDEEEEE?

se for o caso manda MP

 

nas lojas grandes cotei o da db drive, 1,5 F, não pediram menos que 600 paus, aí num dá né chefe!

Amigos

 

Não é tão bonitinho e não tem as firulas dos mais conhecidos, mas a Siemens fabrica esses caras no Brasil com terminais de rosca e isolação de 50V

A ultima vez que ví tava R$ 90,00... :blink:

O Efeito é praticamente o mesmo, a tolerância é um pouco maior e a descarga um pouco mais lenta, mas da pra por 3 pelo preço de 1 :rolleyes:

 

 

[]

 

Sandro

Share this post


Link to post
Share on other sites
E aí membros do fórum autosom.net, blz?! Eu gostaria de saber como eu vou saber se eu um dia precisarei de um megacapacitor no meu sistema... Aquela regra de 1F/kW eh válida??? Quem pode me ajudar nessa pendenga??? Meu som etrá uns 1600 Wrms só de grave... Vou precisar de um desses??? Ou seriam dois??? Ou nenhum??? Abraço à todos!!!

Não existe regra fixa, porém vc pode pegar como base a cada 500 rms com sistema alimentado adequadamente e com dimensionamento de cabos também adequado e colocar 1 capacitor de 1 F, porém isso vai variar até com seu estilo musical e com a classe do amplificador (na relação de consumo).

 

Abraços

Share this post


Link to post
Share on other sites

Eu vi uns da siemens, mas com 250V e 1F... Será que são bons???

Edited by marcelomoti

Share this post


Link to post
Share on other sites
Não existe regra fixa, porém vc pode pegar como base a cada 500 rms com sistema alimentado adequadamente e com dimensionamento de cabos também adequado e colocar 1 capacitor de 1 F, porém isso vai variar até com seu estilo musical e com a classe do amplificador (na relação de consumo).

 

Abraços

Aí Rodrigo, assim que estiver com o equipamento comprado, bateias, falantes, módulo e tlaz eu te procuro p/ vc me ajudar com esse dimensionamento de capacitores e cabos ok?! Um abraço.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Pessoal... recentememte fiz uma pesquisa para aquisição de um mega-capacitor, vi os da Siemens por 280, e da falcom por 380, acabei comprando um fosgate usados por 300, novo custa mais de 500 aqui no brasil.

Por esperiência própria... vi que ele ajuda sim, mas não muito. Quando o grave tem as batidas curtas ele fica show, mas quando as batidas são muito longas, ele discarrega e ai entra a bateria em ação.

Pelo que pesquisei o melhor seria usar 1F para cada 500 WRMS, no meu caso eu uso um para tocar um banda vento.

Acho que de prático para aqueles que desejam instalar um, é primeiro colocar cabos de força e aterremento adequados e bem fixados, segundo colocar uma bateria com capacidade maior do que as originais e com capaciadde de pico alta, aí sim pensa-se em colocar um ou mais megacapacitores.

Ainda vale a pena lembrar que entes de instal-alos no carro é preciso carregá-lo primeiro.

A respeito de alternadores... vale a pena lembrar que para as baterias de chumbo-ácidas, quanto mais lenta for a carga melhor.

Espero ter ajudado

Share this post


Link to post
Share on other sites

Amigos

 

Não é tão bonitinho e não tem as firulas dos mais conhecidos, mas a Siemens fabrica esses caras no Brasil com terminais de rosca e isolação de 50V

A ultima vez que ví tava R$ 90,00... :blink:

O Efeito é praticamente o mesmo, a tolerância é um pouco maior e a descarga um pouco mais lenta, mas da pra por 3 pelo preço de 1 :rolleyes:

 

 

[]

 

Sandro

Eu vi uns da siemens, mas com 250V e 1F... Será que são bons???

Quando você sobe a Isolação, aumenta a tolerância e diminui a velocidade de descarga. 250 V é alto, mas melhor que nada....

Edited by marcelomoti

Share this post


Link to post
Share on other sites

não dá pra carregar ele montado não embriagado, periga vc estourar o capacitor de graça. carrega ele bonitinho, com um resistor de uns 22 ohms, deixa lá até estabilizar na mesma voltagem da bateria do carro (usa o medidor ou um multímetro), aí tira o resistor, CUIDADO pra não encostar o borne - em nenhum lugar, e instala. carreguei um de .25F na fonte do micro e esqueci esse detalhe, na hora em que fui ligar fez um TEC no borne que deu medo, e desarmou minha fonte.

Share this post


Link to post
Share on other sites

as luzes do carro podem e vao piscar caso a alimentaçao do cd tenha sido retirada da caixa de fusiveis(ja vi muito isso)e geralmente dos de menor valor(fusiveis)

agora para 1600w rms de som teriamos um consumo de 3200watts caso os amplificadores sejam classe A/B.o que daria exatamente um consumo de 246amperes so para os graves,como vc vai suprir esta demanda?no momento acho que isso é mais importante e primordial do que se preocupar com os capacitores!isto é apenas um toque de amigo!

Share this post


Link to post
Share on other sites
as luzes do carro podem e vao piscar caso a alimentaçao do cd tenha sido retirada da caixa de fusiveis(ja vi muito isso)e geralmente dos de menor valor(fusiveis)

agora para 1600w rms de som teriamos um consumo de 3200watts caso os amplificadores sejam classe A/B.o que daria exatamente um consumo de 246amperes so para os graves,como vc vai suprir esta demanda?no momento acho que isso é mais importante e primordial do que se preocupar com os capacitores!isto é apenas um toque de amigo!

Quanto as baterias, serão fortes sim e mais de uma com certeza... Não entendi o lance de 3200W... Eu sei que esse é o primeiro passo (alimentação adequada), mas surgiu esse dado novo p/ mim que seria a utilização obrigatória de megacapacitores p/ esse som que quero montar. Obrigado pelos toques!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Quando você sobe a Isolação, aumenta a tolerância e diminui a velocidade de descarga. 250 V é alto, mas melhor que nada....

Nesse caso vc quer dizer que o de isolamento de 50V é melhor que o de 250V??? On de consigo esses aí que vc falou??? POr 90 pilas??? Pego logo uns 4... hehehheh... O som vai ter mais de 1600 mesmo, pois não terá somente grave neh?! Abraço.

Edited by marcelomoti

Share this post


Link to post
Share on other sites

Nesse caso vc quer dizer que o de isolamento de 50V é melhor que o de 250V??? On de consigo esses aí que vc falou??? POr 90 pilas??? Pego logo uns 4... hehehheh... O som vai ter mais de 1600 mesmo, pois não terá somente grave neh?! Abraço.

O Ideal pra som automotivo é 20V, quanto mais baixa a isolação e menor a capacitância mais rápido e mais preciso o capacitor.

Os de tântalo, que são os mais precisos tem isolações baixas e valores baixos (só pra ilustrar, ninguem vai tentar sair atras de um capacitor de tântalo de 1 F que não vai achar ;) .

 

A última vez que vi nesse preço foi na MESA em Curitiba, mas se procurar em casa que trbalham com sistema de acionamento e automação indústrial vai achar.

 

[]

 

 

Sandro

Edited by marcelomoti

Share this post


Link to post
Share on other sites

O Ideal pra som automotivo é 20V, quanto mais baixa a isolação e menor a capacitância mais rápido e mais preciso o capacitor.

Os de tântalo, que são os mais precisos tem isolações baixas e valores baixos (só pra ilustrar, ninguem vai tentar sair atras de um capacitor de tântalo de 1 F que não vai achar ;) .

 

A última vez que vi nesse preço foi na MESA em Curitiba, mas se procurar em casa que trbalham com sistema de acionamento e automação indústrial vai achar.

 

[]

 

 

Sandro

:o esqueci... não confunda potência com isolação do CAP... seu sistema pode ter 1 bilhão de WRMS se for num carro vai precisar de isolação mínima de 15 V....

A Isolação é referente a capacidade do dielétrico do capacitor manter a isolação entre as placas dele, ou seja um CAP de 20 V (tirando tolerancias) em uma linha de 50V vai entrar em curto ;) .

 

[]

 

Sandro

Edited by marcelomoti

Share this post


Link to post
Share on other sites

Valeu sepacheco... essa história já está me deixando de cabelo em pé... Já estou pensando bem antes de começar a fazer esse trio... eu iria usar dois subs de 18" a 800Wrms... fora as cornetas e talz... tenho que pensar melhor...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Galera,

 

Eh o seguinte, vamos falar em linguagem bem basica!

 

eu tinha feito um puta texto aki, mais soh vi que ia complicar as coisas!!

 

 

Vamos assumir algumas verdades pra eu explicar melhor:

 

-Eh a bateria eh quem fornece energia.

-O capacitor tem a capacidade de discarga mais rapida que a de uma bateria.

-O capacitor eh carregado pela bateria.

-As "batidas" causam picos de consumo de energia.

 

 

Vamos pensar em fracoes de segundos:

 

 

Entao vamos lah, a bateria esta fornecendo energia para o amplificador ai vem a batida e PAH (foi uma batida seca, rapida). Isso causou um pico no consumo do amplificador, que foi alimentado pelo amplificador e o capacitor que entrou em acao se descarregando mais rapidamente que a bateria para fornecer energia suficiente para que o amplificador mandar a potencia para o subwoofer.

 

Segundo caso. A bateria estafornecendo energia para o amplificador, e ai vem a batida, e BOOOOOOOOOOOOOMMMMMMMM (batida profunda). Isso causou um pico no consumo do amplificador tb, mas agora, mt mais prolongado.... O amplificador foi alimentado pela bateria, e o capacitor se descarregou rapidamente e mandou toda sua energia para o amplificador, SOH QUE A BATIDA AINDA ESTA AI, o amplificador ainda precisa de mais energia!!! e o que vai acontecer. Do mesmo jeito que o capacitor se descarregou rapidamente para mandar energia junto com a bateria para o amplificador, ele, depois de "zerado", vai se carregar rapidamente, DIVIDINDO entao a corrente max. da bateria com o amplificador, QUE JA ESTAVA PRECISANDO DE MAIS ENERGIA, pq a batida esta ai ainda!

 

 

Minha recomendacao, o capacitor eh valido, mais antes tem que ter bateria sobrando pra pensar em investir nisso. Eu sei ouve-se mt por ai 1farad/1kw, mas como o Yamane disse tb aconselho 1farad/500w, para evitar que o segundo caso aconteça. CLARO, um fato foi mt bem lembrado pelo Murilo alves, os amplificadores tem eficiencias diferentes, por tanto essas "regras" nao sao necessariamente validas!... Sim, mas essas sao "regras" para as pessoas terem uma base, a variacao de corrente consumida por amplificadores hj em dia, mesmo comparando classe AB com classe D, nao eh tao brotesca gira em torno de 15-20amperes, isso tratando-se de extremos.

 

 

 

Bom acabei fazendo um puta texto do mesmo jeito neh!

 

 

Bom, esse eh o conhecimento que eu tenho sobre o assunto, se tiver errado por favor me corrijam, fico agradecido.

 

 

t+

Filipe.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Oi Filipe só faltou uma coisa.

 

 

Você precisa de mais energia pra romper a inercia do conjunto NPN - PNP do amp ou seja o capacitor é mais solicitado no ínicio da batida... e lembre-se que o alternador não tem tempo de alimentação considerável, e fornece algo em torno de 175 A (no marea por exemplo) neste caso o capacitor tem condições de recarregar-se, rápidamente.

 

O caso é com o carro desligado...

 

 

[]

 

Sandro

Edited by marcelomoti

Share this post


Link to post
Share on other sites

pow!!!!! 175A ???

o veio teve 2 marea e eu nao troquei com o do corsinha antes de vender?!

 

 

Sepacheco, acho que nao eh que o capacitor eh mais "solicitado" no inicio da batida, eh que o capacitor eh "solicitado" a qualquer pico, obviamente que ele vai descarregar no inicio desse pico e nao no meio ou final dele. Bom mesmo usando do alternador, o capacitor estaria drenando energia do sistema de alimentacao, eh claro que com o alternador ligado tudo tende a ficar mais estavel.

 

 

t+

Share this post


Link to post
Share on other sites
as luzes  do carro podem e vao piscar caso a alimentaçao do cd tenha sido retirada da caixa de fusiveis(ja vi muito isso)e geralmente dos de menor valor(fusiveis)

agora para 1600w rms de som teriamos um consumo de 3200watts caso os amplificadores sejam classe A/B.o que daria exatamente um consumo de 246amperes so para os graves,como vc vai suprir esta demanda?no momento acho que isso é mais importante e primordial do que se preocupar com os capacitores!isto é apenas um toque de amigo!

Quanto as baterias, serão fortes sim e mais de uma com certeza... Não entendi o lance de 3200W... Eu sei que esse é o primeiro passo (alimentação adequada), mas surgiu esse dado novo p/ mim que seria a utilização obrigatória de megacapacitores p/ esse som que quero montar. Obrigado pelos toques!

O lance dos 3200W é pq como todo componete eletronico o amplificador sofre o efeito joule, parte da potência é dissipada em forma de calor!! em um A/B com eficiência de 50% vc teria uma potência total de 3200 W sendo 1600 W Sinal sonoro!!!!

Valew!!

Share this post


Link to post
Share on other sites
as luzes  do carro podem e vao piscar caso a alimentaçao do cd tenha sido retirada da caixa de fusiveis(ja vi muito isso)e geralmente dos de menor valor(fusiveis)

agora para 1600w rms de som teriamos um consumo de 3200watts caso os amplificadores sejam classe A/B.o que daria exatamente um consumo de 246amperes so para os graves,como vc vai suprir esta demanda?no momento acho que isso é mais importante e primordial do que se preocupar com os capacitores!isto é apenas um toque de amigo!

Quanto as baterias, serão fortes sim e mais de uma com certeza... Não entendi o lance de 3200W... Eu sei que esse é o primeiro passo (alimentação adequada), mas surgiu esse dado novo p/ mim que seria a utilização obrigatória de megacapacitores p/ esse som que quero montar. Obrigado pelos toques!

O lance dos 3200W é pq como todo componete eletronico o amplificador sofre o efeito joule, parte da potência é dissipada em forma de calor!! em um A/B com eficiência de 50% vc teria uma potência total de 3200 W sendo 1600 W Sinal sonoro!!!!

Valew!!

Imagino que a regra de 1F/Kw seja válida para a potência CONSUMIDA pelo amplificador, e nao a potência entregue aos alto-falantes, é aí que entra a eficiência ou classe do amplificador.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Pessoal, tenho 1.100rms de grave e irei colocar agora no fim do mês 480rms de Stereo. Por enqto to andando só com o grave no talo. Qdo aumento bastante o volume, qdo tá um terremoto geral, o som corta, e depois de alguns segundos volta normalmente. Minha bateria é uma ASE 700. Imagino que o grande problema seja o meu alternador original de 65 amperes. Vou ver se coloco um alternador de Marea junto com o meu de 65a/h. Aí deve ficar show, e se não ficar, troco a bateria por uma de 150a/h ao invés de 80a/h. O consumo do meu som será de 160a/h. O que vcs acham pessoal?

Share this post


Link to post
Share on other sites

Se vc quer calcular o capacitor pode com o auxiçio de um osciloscópio verificar a saída de tensão da bateria, ela tem um ripple (oscilação) na hora que o sub bate. Se calcular a área da curva, verificará que a tensão média é menor (mas se seu amplificador suporta essa tensão mínima tá blz). Se a oscilação é de 20% e vc quer reduzir pra 5% por exemplo, vc calcula a potência equivalente a essa diferença (vai depender da corrente de consumo média) e daí pode usar as fórmulas pra cálculo de filtro de retificadores.

Outra coisa: estude bem o caso, pode ser mais barato colocar outra bateria em paralelo ou trocá-la por uma de resposta mais rápida (corrente de partida alta).

E veja tbm que vc só precisa da tensão mínima que o mosfet trabalha e não corrigir a tensão média para 12V (ou 13.8).

Share this post


Link to post
Share on other sites

Pfernando isto a que tu se refere nao eh ripple, e sim queda de tensao, e, ao contrario do ripple, nao tem frequencia exata e tampouco amlpitude exata

Share this post


Link to post
Share on other sites
Sign in to follow this  

AutoForum.com.br

O fórum para os maniacos por som automotivo e automóveis

×
×
  • Create New...