Jump to content

AutoForum.com.br - Som automotivo e automóveis  - O fórum dos maníacos por som automotivo e automóveis
- Proibido conteúdo impróprio para menores em tópicos públicos: Nudez estrategicamente coberta; Roupas transparentes; Poses obscenas ou provocantes; Close-ups de seios, nádegas ou virilhas; (em cumprimento a normas do Google) Qualquer desvio, denuncie ao moderador.
- Usuários do Hotmail/Outlook/Msn - confira tutorial para receber emails do fórum;
- Qualquer problema em algum post, DENUNCIE ao moderador, utilize o link abaixo de cada post.
- Confira tutorial para enviar fotos. Tão fácil quanto um CTRL+V. (17/09/2015)
- Encontro Sound Quality em São Paulo/SP domingo (27/10/2019) *****

All Activity

This stream auto-updates     

  1. Today
  2. Troca dos três injetores do UP! TSI. Internamente há um sensor que ao longo do tempo suja e provoca uma má leitura. É possível recuperar ou seguir o q recomendamos, troca por outros originais. #spportcarbrautomotive #injecaodireta #uptsi #uptsibrasil #uptsiclub #oemvw #oemvwparts View the full article
  3. Mais um kit LED instalado #spportcarbrautomotive #scbrautomotive #kitled #civicg10 #hondacivic View the full article
  4. Hertz HX250 Bobina simples 4 ohm 10 polegadas 450w rms 900w pico Subwoofer em estado de novo! Estética e funcionamento 10/10 Pouco usado! Aceito RE audio SR10d4 (i/x) como parte de pagamento! Valor R$1500,00 - aceito ML e PicPay com acréscimos de taxas e frete por conta do comprador! Contato: 11947117925 - Fábio
  5. FULLPOWER - A Toyota apresentou nesta semana a nova geração da Tundra. Rival de modelos como Chevrolet Silverado, Ford F-150 e Ram 1500, a picape grande agora ... Nova Toyota Tundra tem motor V6 híbrido e multimídia gigante View the full article
  6. Yesterday
  7. Vocês estão mandando muito bem nos nosso desafios, por isso já preparamos outro. Conta pra gente: que carro é esse? #carrosclassicospioneer View the full article
  8. Entre as novidades da Tundra 2022, está a presença do pacote “TRD Off-Road”Divulgação/ToyotaDepois de ter algumas fotos iniciais vazadas ainda em julho, a Toyota lançou oficialmente a nova versão da sua picape grande, a Tundra, que será fabricada e montada nos Estados Unidos. Clique aqui e assine Quatro Rodas por apenas R$ 8,90 Como já era sabido no mundo automotivo, a Tundra adotou linhas modernas para brigar de igual para igual com a Chevrolet Silverado, a Ram 1500 e a Ford F-150. E também recorreu a mecânica renovar e motores elétricos para se manter em pé de igualdade com a concorrência acirradíssima. A suspensão traseira funciona em um eixo rígido fivelink, parecido ao esquema da Nissan FrontierDivulgação/ToyotaToda a carroceria passou por mudanças para reforçar ainda mais a estrutura da picape. O chassi de longarinas ficou mais firme, a caçamba de materiais compósitos foi reforçada com alumínio e a suspensão traseira multilink foi redesenhada. Isso favoreceu inclusive a capacidade de reboque do modelo, que agora consegue puxar mais de 5,4 toneladas — equivalente a cerca de sete unidades do Renault Kwid. A nova suspensão traseira em eixo rígido fivelink permitiu que os engenheiros da fabricante japonesa ajustassem a posição dos amortecedores para ampliar a sua eficiência e melhorar a capacidade de reboque. Já na parte da frente, a suspensão é em duplo A. Além disso, pela primeira vez na Tundra o sistema de suspensão adaptativa está disponível. Ele é responsável por ajustar a força do amortecimento com base nas condições de estrada enfrentadas em um devido momento. A nova Tundra será oferecida em seis versões pela ToyotaDivulgação/ToyotaQuanto à potência, a picape chega com duas opções de motorização, sempre a gasolina e combinadas ao câmbio automático de 10 velocidades. A primeira opção é o motor V6 3.5 biturbo capaz de entregar pouco mais de 394 cv e 66,2 kgfm. A segunda opção é nada mais nada menos que um trem de força híbrido ainda mais forte. A Tundra 2022 terá opção de dois motores. Ambos V6 3.5, mas com um deles sendo híbridoDivulgação/ToyotaChamado de i-FORCE MAX, ela se baseia no mesmo motor a combustão, mas conta com uma novidade que amplia o desempenho da máquina. Ela utiliza um motor elétrico posicionado entre o V6 e a transmissão. Ele é construído em linha para fornecer um adicional de energia responsável por alguns aspectos elétricos da picape. Ao final, combinação resulta em belos 443 cv e 80,6 kgfm. A novidade é o motor i-FORCE MAX, capaz de entregar até 443 cv com um gerador entre o motor a combustão e a transmissãoDivulgação/ToyotaQuanto ao visual, nada de novo foi revelado. Os faróis de leds “descem” em direção ao para-choque junto a uma entrada de ar. A grade toma conta da maior parte da dianteira como já havia sido divulgado. Na versão TRD Pro, ela conta com pontos luminosos, como os três alaranjados próximos ao capô, além de outros dois pontos no para-choque. Na parte central, abaixo do nome Toyota, há mais uma barra de leds. Em outras versões, o nome da Toyota é substituído pelo logotipo da marca e os leds não aparecem. A versão TRD Pro conta com uma grade diferente, como o nome Toyota por extenso e pontos de LEDsDivulgação/ToyotaQuanto ao visual interno, o modelo conta com um quadro de instrumentos 100% digital de 12,3”. Além disso, a picape terá uma central multimídia de série com 8” sensível ao toque com as últimas novidades de áudio e conectividade desenvolvidas pela empresa e uma outra tela de 14” polegadas é oferecida como adicional. O sistema como um todo oferece conectividade com Apple CarPlay e Android Auto, além de vir com uma assistente virtual inteligente. O interior terá uma central multimídia de 8 polegadas de série. Uma tela de 14 polegadas será vendida como adicionalDivulgação/ToyotaA segurança também não ficou para trás, já que todas as versões da Tundra serão equipadas com o Toyota Safety Sense 2.5. Diversas assistências, como os de pré-colisão, detecção de pedestres, acompanhamento de faixa e monitor de ponto cego estão no pacote. A Toyota fabricará configurações diferentes da Tundra, que será oferecida em duas opções de carroceria com quatro portas. São elas: Double Cab e CrewMax. Na primeira, a caçamba poderá ter 1,98 metro ou 2,46 m. Na configuração CrewMax, os tamanhos possíveis são 1,67 m e 1,98 m. O modelo passou por inúmeros ajustes para que pudesse aumentar sua capacidade de reboque. Ela pode rebocar até 5,4 toneladasDivulgação/ToyotaA nova Tundra terá seis versões: SR, SR5, Limited, Platinum, 1794 e TRD Pro. A última será oferecida apenas com a motorização i-FORCE MAX e nas outras versões, excluindo a SR e SR5, esse motor será opcional. Relacionadas NotíciasAmericano roda 1,6 milhão de km com picape Tundra – e ganha uma nova de presente12 Maio 2016 - 19h05 NotíciasMaior picape da Toyota no mundo é revelada como “vingança” a vazamentos21 jun 2021 - 15h06 NotíciasToyota anuncia Tundra 2015 apenas com motores V812 set 2014 - 20h09 Indo além, a Toyota Tundra terá o pacote TRD Off-Road disponível aos modelos SR5, Limited e 1794. Ele inclui rodas de aro 18, nova grade e suspensão específica para off-road, entre outras novidades. Ainda não foram divulgados os preços ou a data de lançamento da picape, mas ela é esperada ainda este anoDivulgação/ToyotaQuanto ao consumo de combustível ou preço das diversas versões, a marca japonesa afirmou que divulgará essas informações em uma data mais próxima ao lançamento do modelo, que deverá ser ainda neste ano. Não pode ir à banca comprar, mas não quer perder os conteúdos exclusivos da Quatro Rodas? Clique aqui e tenha o acesso digital. A edição 749 de QUATRO RODAS já está nas bancas!arte/Quatro RodasThe post Nova Toyota Tundra é híbrida, tem motor V6 e reboca até sete carros appeared first on Quatro Rodas. View the full article
  9. SUV terá cor cinza, acabamento cromado e motor 1.0 turbo de 120 cv Versão esportiva terá acabamento diferenciado Foto – EDUARDO PASSOS E QUATRO RODAS Depois de a versão intermediária ser flagrada, agora é a vez da opção esportiva do Fiat Pulse ser vista rodando sem disfarces pelas ruas de Belo Horizonte, em Minas Gerais. A configuração, que tem o nome de Impetus Turbo 200, será equipada com motor 1.0 turbo de 120 cv. Além disso, terá cor cinza, acabamento cromado, faróis com DRLs com desenho diferenciado, espelho retrovisores com câmera e repetidores de seta. O SUV compacto será lançado ainda neste ano. O flagrante foi registrado por Eduardo Passos e publicado pela revista Quatro Rodas. Configuração esportiva tem nome de Impetus Turbo 200 – Foto: EDUARDO PASSOS E QUATRO RODAS Infelizmente o flagra não mostra o interior do modelo. Contudo, como a Fiat já adiantou como será por dentro do crossover é possível adiantar que carro terá um painel digital de 7 polegadas e com uma central multimídia flutuante de 10,1 polegadas, que inclusive terá assistente do Google com comando de voz e sistema Fiat Connect////Me, que é uma plataforma de serviços conectados da empresa. Já o cluster digital será personalizável de acordo com o gosto do motorista. O carro também contará com partida remota e ar-condicionado automático. A novidade esportiva deve ter detalhes e acabamentos diferenciados. Modelo terá assistente do Google com comando de voz Em relação à motorização, o Pulse será terá um motor 1.0 turboflex de três cilindros, que entrega 120 cv com torque de 20 kgfm. O utilitário esportivo também deve ser oferecido com um propulsor de 1.3 litro aspirado flex, que rende 109 cv e tem torque de 14,2 kgfm. A transmissão poderá ser manual de cinco velocidades ou automática do tipo CVT. SUV compacto será lançado ainda neste ano O SUV compacto, que será lançado ainda neste ano, vai “brigar” diretamente com Volkswagen Nivus, Caoa Chery Tiggo 3x, Renault Duster, Peugeot 2008 e Honda WR-V, além do novo Citroën C3, que chegará ao mercado nacional no próximo ano. Inclusive, o carro da marca francesa pode utilizar o mesmo motor do Pulse. Acompanhe as últimas notícias do mercado automotivo no site da revista AutoMOTIVO, na nova edição de setembro, nas redes sociais e também no canal do Youtube da TV AutoMOTIVO. Matéria Versão esportiva do Fiat Pulse é flagrada sem disfarces em BH publicada no Portal Revista AutoMOTIVO. View the full article
  10. Boa tarde, Pretendo cancelar o meu seguro auto nos próximos meses e passar a utilizar proteção veicular. Alguns amigos que trabalham como motoristas de aplicativo me recomendaram a proteção veicular Pratic ABM. Fiz uma pesquisa no reclame aqui e nas redes sociais e me parece de confiança, alguém já teve experiência com a proteção deles?
  11. <span class="hidden">–</span>Múcio Eustáquio/ReproduçãoPesquisar veículos à venda na internet pode te proporcionar achados bem interessantes. O da vez, é um Lamborghini Gallardo da série limitada SE ano 2006 sendo vendido R$ 500.000. Clique aqui e assine Quatro Rodas por apenas R$ 8,90 Você pode questionar que meio milhão é um dinheiro absurdo, mas esse ícone dos esportivos italianos pode valer ainda mais. Além da baixa quilometragem, que segundo o empresário Múcio Eustáquio, atual dono do veículo, é de apenas 20.000 km rodados, o esportivo também ostenta a plaqueta número 1 de 250 modelos fabricados. O carro já estava até vendido por R$ 650.000, mas devido a uma avaria no motor, o dono resolveu desfazer o negócio e abaixar o preço. “A pressão do óleo está caindo muito”, explica o empresário do Distrito Federal, que não levou o Gallardo à uma oficina por causa do alto valor do reparo. A plaquinha de identificação mostra que o Gallardo é o primeiro dos 250 modelos SE fabricadosMúcio Eustáquio/ReproduçãoSgundo dono, Eustáquio desembolsou R$ 700.000 para comprar o seu Gallardo, mas teve que esperar cerca de quatro anos até poder rodar com o esportivo, já ele estava bloqueado pela Justiça como parte de um divórcio litigioso do primeiro proprietário. A liberação só veio há quatro meses, depois do empresário pagar cerca de R$ 120.000 em IPVA atrasado. “O carro ficou muito tempo parado. Quando comprei, eu o ligava por meia hora ao mês, depois fui relaxando e passou para uma vez a cada dois ou três meses. Agora, quando rodo com ela a pressão cai e a luz do óleo fica piscando. Fiquei sabendo que precisa abrir o motor para resolver, infelizmente não tenho condições para isso no momento.” Com um V10 5.0, o Gallardo atinge a velocidade máxima de 315 km/h e faz de 0 a 100 km/h em cerca de 4 segundosMúcio Eustáquio/ReproduçãoPara reparar o problema que impede o V10 de mostrar todos os seus 520 cv e 52 kgfm, o proprietário pesquisou e disse que ficaria entre R$ 50.000 e R$ 100.000, por isso o desconto no preço de venda. Agora, só resta esperar para saber quem irá colocar o Gallardo SE número 001 para rodar novamente. Não pode ir à banca comprar, mas não quer perder os conteúdos exclusivos da Quatro Rodas? Clique aqui e tenha o acesso digital <span class="hidden">–</span>arte/Quatro RodasThe post Com desconto, Lamborghini Gallardo SE número 001 está à venda na OLX appeared first on Quatro Rodas. View the full article
  12. Produto conta com um processamento Qualcomm de 4GB de RAM Produto é de fácil instalação A Faaftech lança no mercado de acessórios automotivos o Streaming Box com processamento Qualcomm de 4 GB de RAM. Além disso, tem capacidade de armazenamento de 64 GB. Webinar ENAN 2021: Faaftech e as novidades para 2021. Veja o vídeo! Com o equipamento é possível baixar aplicativos como o YouTube, Globo Play, ESPN, Amazon Prime, entre outros. O acessório tem a função Split Screen, que permite abrir dois aplicativos de forma totalmente simultânea. A instalação é extremamente simples, basta conectá-lo ao USB do carro. LIVE Segredos da FAAFTECH acessórios automotivos. Veja o vídeo! Estes e outros produtos da marca Faaftech você conhece nas redes sociais e no site da marca. Veja também a lista de acessórios completa da Empresa acompanhe todas as novidades em som e acessórios nos canais da revista AutoMOTIVO, nas redes sociaise na TV AutoMOTIVO no YouTube. Acompanhe as últimas notícias do mercado automotivo no site da revista AutoMOTIVO, na nova edição de setembro, nas redes sociais e também no canal do Youtube da TV AutoMOTIVO. Matéria Faaftech lança Streaming Box publicada no Portal Revista AutoMOTIVO. View the full article
  13. Acompanhado de um Fiat Fiorino protótipo, Jeep Renegade 2023 foi visto em Recife (PE) com detalhes inéditosCláudio Cavalcanti/Quatro Rodas Fotografou um carro disfarçado ou outro segredo? Mande seu flagra para (31) 99381-8920 ou pelas nossas redes sociais! O Jeep Renegade ainda nem chegou à linha 2022 mas a reestilização que estreará no Renegade 2023 segue ganhando forma. Graças ao flagra feito pelo leitor e assinante de QUATRO RODAS Cláudio Cavalcanti, mais detalhes do facelift do SUV foram descobertos, incluindo modificações significativas na dianteira e substituição da icônica lanterna traseira. Clique aqui e assine Quatro Rodas por apenas R$ 8,90 As fotos vêm de Recife, onde Cláudio teve a sorte de cruzar com um dos protótipos vindos da fábrica da Jeep na também pernambucana cidade de Goiana. Uma das principais novidades diz respeito às lanternas traseiras, que exibem assinatura luminosa com três listras horizontais, dando pistas das novas luzes de freio que aposentarão o icônico design usado no utilitário até agora. Pelas imagens nota-se uma aparente fresta entre a carroceria e as lanternas, sugerindo que mudanças na tampa do porta-malas também estão por vir. À frente, o que chama atenção no Jeep Renegade 2023 é um para-choque bem proeminente, se projetando logo abaixo da tradicional grade de sete barras da marca americana. São notáveis mudanças nas entradas inferiores de ar, com grelhas de padrão inédito. Os flagras também indicam novos faróis de neblinas com aspecto mais angulado. 4×4 sem diesel Assinatura luminosa e tamanho aparentemente incompatível com o porta-malas do protótipo sugerem mudanças ainda secretasCláudio Cavalcanti/Quatro RodasOutro detalhe que salta aos olhos é o elevado ângulo de ataque que o redesenho parece ter dado ao Renegade 2023. Isso naturalmente se alinha à função esportiva que é um dos chamarizes do modelo, sempre dotado de versões 4×4. Relacionadas NotíciasJeep Renegade ganha tecnologia, mas motor turbo flex fica para linha 20225 abr 2021 - 11h04 NotíciasCom preço promocional Renegade Moab é o SUV diesel mais barato5 out 2020 - 19h10 SegredoJeep Compass híbrido faz quase 50 km/l e estreia no Brasil ainda em 202131 jul 2021 - 02h07 Com base na apuração do portal Autos Segredos, entretanto, o Jeep Renegade perderá versões a diesel já na linha 2022, com chegada prevista para os próximos meses. Desse modo, equipado apenas com motores 1.0 (130 cv*/21,4 kgfm) e 1.3 turboflex (185 cv/27,5 kgfm), o SUV de entrada da Jeep buscaria uma solução até agora inédita aos modelos que utilizam o quatro-cilindros de 185 cv, oferecendo 4×4 junto à unidade que também equipa Compass, Commander e Toro. Ainda segundo o Autos Segredos, mudanças internas incluem a naturalmente esperada central multimídia de 10,1’’ — acréscimo à de 8,4’’ já utilizada —, que pode ser flutuante, como nos outros modelos da marca, ou vertical, como na Fiat Toro. *Potência estimada Não pode ir à banca comprar, mas não quer perder os conteúdos exclusivos da Quatro Rodas? Clique aqui e tenha o acesso digital. A edição 749 de QUATRO RODAS já está nas bancas!arte/Quatro RodasThe post Jeep Renegade 2023 muda lanternas traseiras e terá para-choque incomum appeared first on Quatro Rodas. View the full article
  14. Configuração topo de linha Ultimate pode ser comprada por R$ 152.990 Opção Limited pode ser adquirida por R$ 125.390 Logo após de lançar a nova geração do Creta, a Hyundai aumenta os preços do modelo, que será oferecido por R$ 111.890 na versão de entrada Comfort. Já a configuração topo de linha Ultimate pode ser comprada por R$ 152.990. Veja os novos valores do SUV compacto. Platium é comercializada nas concessionárias da marca por R$ 140.890 A opção Limited pode ser adquirida por R$ 125.390 e a Platium é comercializada nas concessionárias da marca por R$ 140.890. Esses valores estão no site da companhia. Modelo vem equipado com motor 1.0 turbo de 120 cv Em relação à motorização, o Creta 2022 tem motor Kappa 1.0 litro turbo GDI de 12V flex de três cilindros, que é o mesmo do HB20. Esse trem de força entrega 120 cv a 6.000 rpm e tem torque de 17,5 kgfm a 1.500 rpm para os dois combustíveis. Também conta com com o propulsor Smartream de 2.0 litros aspirado de 16V, que rende 167 cv a 6.200 rpm com torque de 20,6 kgfm a 4.700 rpm com etanol e de 157 cv a 6.200 rpm com torque de 19,2 kgfm a 4.700 rpm com gasolina. A transmissão será automática de seis velocidades. Versões e Preços Hyundai Creta Comfort – R$ 111.890 Hyundai Creta Limited – R$ 125.390 Hyundai Creta Platium – R$ 140.890 Hyundai Creta Ultimate – R$ 152.990 Acompanhe as últimas notícias do mercado automotivo no site da revista AutoMOTIVO, na nova edição de setembro, nas redes sociais e também no canal do Youtube da TV AutoMOTIVO. Matéria Hyundai Creta sofre primeiro reajuste depois do lançamento; Modelo parte de R$ 111 mil publicada no Portal Revista AutoMOTIVO. View the full article
  15. SounDigital entregando inovação em qualidade e tecnologia ao redor do mundo. Diversas pessoas e empresas já comprovam a qualidade e competência SounDigital para seus projetos. E você, quando vai fazer seu upgrade? Conheça toda nossa linha de amplificadores acessando o link na bio. View the full article
  16. Assista o depoimento de quem aprova toda a potência e qualidade SounDigital. A CJ Car Audio é uma das grandes empresas nos Estados Unidos que utilizam nossos produtos nos melhores projetos de som, entregando o melhor em qualidade e tecnologia premiada internacionalmente em diversas categorias. Para conhecer mais sobre nossos produtos, acesse o link na bio. View the full article
  17. Qualidade e potência para um projeto elaborado de som, só pode ser SounDigital. SounDigital é referência em tecnologia de áudio no Brasil e no mundo, entregando confiabilidade e alto desempenho em som automotivo. Veja mais sobre esse e outros projetos em nosso feed. View the full article
  18. #amplificadordesom #som #somautomotivo #somautomotivonaoecrime #somautomotivobrasil #somautomotivopaixao #somautomotivooficial #somautomotivorebaixados #somautomotivooficial #somautomotivopaixao #somautomotivo_slz #somautomotivobrasileiro #somautomotivoslz2😱 #somautomotivopaixão🚘❤👊 View the full article
  19. Topo de linha, o Fiat Pulse Impetus Turbo 200 passará dos R$ 110.000, dizem fontesEduardo Passos/Quatro RodasO mês de setembro vai chegando ao fim e com ele a certeza de que o Fiat Pulse foi mais uma vítima da crise de abastecimento que assola a indústria global. Mesmo assim, o lançamento do SUV compacto da Fiat segue próximo e sua versão mais cara foi flagrada por QUATRO RODAS neste domingo (19). Clique aqui e assine Quatro Rodas por apenas R$ 8,90 A captura do carro, quase inteiramente projetado em Betim (MG), ocorreu na Avenida do Contorno, a mais belorizontina das vias públicas, e além de mostrar novos detalhes do possível 1.0 mais potente do Brasil também serviu para confirmar outra informação adiantada por QUATRO RODAS no que diz respeito às versões do carro. Fiat Pulse 1.3R? Ao contrário do que apostávamos o Pulse topo de linha será o modelo Audace, sempre com câmbio automático e motor 1.0 turbo de 20,4 kgfm rigorosamente igual em torque ao grande rival, o Volkswagen Nivus. A confirmação vem do emblema do carro, exibido pela primeira vez, assim como a completa ausência de camuflagem. Desse modo sabemos, consequentemente, que o Pulse intermediário será o modelo Impetus, precedido pelo Pulse Drive e o Pulse MT. Como adiantado por QUATRO RODAS, eis o Pulse Impetus Turbo 200 — agora assumindo a identidadeEduardo Passos/Quatro RodasO flagra em um pacato domingo mineiro torna ainda mais fácil imaginar o duelo entre SUVs compactos de Fiat e Volks, dado que a cor do Pulse flagrado por QUATRO RODAS tem esquema bicolor parecido com o cinza Moonstone com teto em preto Ninja do SUV cupê da VW. E se os alemães abriram mão de equipar o seu utilitário com motor mais potente, apurações exclusivas garantem que, no ano que vem, chegará um Pulse para suprir a lacuna da concorrência, com motor 1.3 turboflex de 185 cv que equipa Jeep Compass, Fiat Toro e o inédito Fiat Fastback. Visão de quem viu É impossível não associá-lo ao Argo (o que não é pejorativo), mas nível do acabamento é visivelmente superiorEduardo Passos/Quatro RodasTratando-se da versão mais cara do SUV, o Fiat Pulse Audace T200 busca justificar o preço estimado em mais de R$ 110.000 com atenção e capricho aos detalhes estéticos, que incluem peças cromadas e conjunto luminoso cujas DRLs grossas serão identificadas facilmente nas ruas. Os espelhos retrovisores em preto escondem discretas câmeras, que auxiliarão em mudanças de faixa e estacionamento, além dos repetidores de setas. O emblema da Fiat gravado no vértice superior esquerdo deverá ser iluminado para servir como indicador de pontos cegos. Logotipo da Fiat será iluminado para indicar veículos no ponto cego do motorista. Sensores no espelho central indicam acendimento automático dos faróis e limpadores de para-brisaEduardo Passos/Quatro RodasOutros detalhes que chamam atenção estão atrás, onde um difusor em tons acinzentados (com equivalente na dianteira) dá mais estilo ao carro assim como os escapes duplo, que são parcialmente estéticos com apenas o lado esquerdo realmente emitindo gases. O rack de teto também revelou estruturas que serão compatíveis com o catálogo de acessórios da Mopar e que, junto ao controle de tração avançado, permitirão explorar um lado mais aventureiro do SUV compacto. Nem tudo são flores, e o entre-eixos de meros 2,53 m (apenas 1 cm maior que do compacto Fiat Argo) tende a ameaçar o espaço interno do carro. À primeira vista parece mesmo pouco, e o ocupante da dianteira mostrava-se apertado no utilitário. Longa gestação “Corpinho” do Pulse é conhecido desde maioDivulgação/FiatApós meses de suspense e aparições discretas, o Fiat Pulse deu as caras no longínquo mês de maio, quando ocorreu a final do Big Brother Brasil 21. Lançado no último episódio do reality, o SUV vem sendo revelado a conta-gotas através de ações de marketing como a que decidiu seu nome em votação. Com quase um semestre de publicidade parcial, entretanto, nota-se irritação dos mais apaixonados pelo carro, que já trocam juras de amor por críticas nos fã-clubes virtuais. Ainda que seja pouco transparente acerca de sua estratégias, a Fiat parece vítima, como todas as concorrentes, da falta de semicondutores, que vem tornando a fabricação de um carro esforço gigantesco. Relacionadas NotíciasFiat Pulse: SUV terá porte do Argo e motor1.0 turbo mais potente do Brasil19 ago 2021 - 18h08 NotíciasMisto de Toro, Compass e Cronos, interior do Fiat Pulse é revelado26 jul 2021 - 15h07 SegredoCom modo off-road, Fiat Pulse 1.3 manual tem painel vazado na internet14 jul 2021 - 15h07 Líder de vendas, a italiana é a única, ao lado da irmã Jeep, que não paralisou sua produção em algum momento de 2021, algo que mesmo fontes internas ouvidas por QUATRO RODAS classificaram como “inexplicável” e “espetacular”. De fato vem sendo, mas o risco de que a conta chegue justo na hora H parece cada vez mais real. Estima-se que o novo Fiat Pulse possa sofrer do mesmo mal que acomete o Jeep Commander e o Hyundai Creta, recém-lançados mais ainda em pré-venda por falta de estoques. No caso do Commander fez-se um lote inicial de 500 unidades, com esperanças de que logo a produção consiga suprir a demanda do elogiado carro. No caso do Creta houve ainda mais arrocho, com algumas dezenas fabricadas para o lançamento mas sem vendas abertas até o final do ano. Não pode ir à banca comprar, mas não quer perder os conteúdos exclusivos da Quatro Rodas? Clique aqui e tenha o acesso digital. A edição 749 de QUATRO RODAS já está nas bancas!Arte/Quatro RodasThe post Fiat Pulse é visto sem disfarce e terá versão esportiva que Nivus recusou appeared first on Quatro Rodas. View the full article
  20. Tenha uma qualidade de som surpreendente em seu veículo hatch, com um subwoofer Bravox e curta aquele grave perfeito! Nossa sugestão: Subwoofer BK12 da nossa Linha Black com 350 WATTS RMS. Conheça mais sobre nossos subwoofers em nosso site e em nossa loja oficial.... www.bravox.com.br corre lá! #bravox #68anos #bravoxbrasil #omelhorsomautomotivo #somautomotivobrasil #somdequalidade #audiocar #thebest #combinaçãoperfeita #altofalantes #projetodesom #estilohatch #hatchsport #veiculohatch #bassspeakers #beat #graveperfeito #black #sub #subwoofer12inch #subwoofer12pol #12inch #12polegadas #subwooferblackline #subwooferlinhablack #linhadeprodutos #blackline #linhablack View the full article
  21. Tenha uma qualidade de som surpreendente em seu veículo hatch, com um subwoofer Bravox e curta aquele grave perfeito! Nossa sugestão: Subwoofer BK12 da nossa Linha Black com 350 WATTS RMS. Conheça mais sobre nossos subwoofers em nosso site oficial www.bravox.com.br Corre lá! #bravox #bravox68anos #68anos #bravoxbrasil #omelhorsom #somautomotivobrasil #somdequalidade #audiocar #duelo #combinaçãoperfeita #altofalantes #projetodesom #estilohatch #hatchsport #veiculohatch #gravetop #batidaperfeita #graveperfeito #bestsound #soundbrasil #subwoofer #highsound #12inch #12pol #bass #subwooferblackline #subwooferlinhablack #linhadeprodutos #blackline #linhablack View the full article
  22. O processador de áudio Taramps PRO 2.6S perde a configuração se desligado da bateria ou fonte? veja o video! Does the Taramps PRO 2,6S audio processor loses its saved settings if disconnected from the power supply or battery? watch the video Clique no link para se INSCREVER! ►►► http://bit.ly/SeInscrevaCanalTaramps Se gostou, não esqueça de clicar em GOSTEI! E não deixe de COMPARTILHAR este vídeo! Contato Suporte Técnico: Suporte Linha de Áudio: 18 3266 4050 WhatsApp: 18 99748 7039 E-mail: suportetecnico@taramps.com.br NOSSAS REDES SOCIAIS: FACEBOOK - https://www.facebook.com/TarampsOficial/ INSTAGRAM - https://www.instagram.com/tarampsgroup/ #Taramps #SomAutomotivo #ModuloTaramps View the full article
  23. Montana Estação do Som Amplificadores Taramps View the full article
  24. Versão plug-in ostenta grade dianteira mais esportivaDivulgação/Quatro RodasA Toyota nunca teve pressa em fazer lançamentos, e com a primeira versão híbrida plug-in do RAV4 não foi diferente. O primeiro híbrido recarregável em tomada da marca foi o Prius, lá nos idos de 2007. Mas parece que a espera compensou. O RAV4 PHEV (sigla que designa os híbridos plug-in), vendido por 49.500 euros (R$ 305.910), na Europa, tem muito mais que uma entrada de força para recarga. Clique aqui e assine Quatro Rodas por apenas R$ 8,90 Para começar, a potência combinada entre os três motores (um a gasolina e dois elétricos) chega a 306 cv. É a potência do BMW M235i xDrive Gran Coupé. O motor 2.5 a gasolina de ciclo Atkinson gera 185 cv, enquanto os elétricos agregam outros 236 cv, dos quais 182 cv fornecidos pela unidade montada na dianteira e 54 cv pelo propulsor, na traseira. Como comparação, o RAV4 híbrido vendido no Brasil emprega três motores elétricos, porém gera 222 cv. O 2.5 entrega 178 cv, enquanto o trio elétrico rende outros 120 cv. Quando o motorista convoca todos os 306 cv (o torque não é declarado pela marca, mas estima-se que fique entre 40 e 50 kgfm), o SUV passa a exibir comportamento de esportivo, caso da aceleração de 0 a 100 km/h em 6 segundos. Acabamento: melhor no alto do painel e nas laterais das portas dianteirasDivulgação/Quatro RodasAo contrário da quase totalidade dos híbridos da Toyota, o RAV parte no modo elétrico mesmo em acelerações fortes, e permanece assim até os 135 km/h, desde que a bateria tenha pelo menos 10% de carga. A propósito, ela é formada por 96 células, pesa 155 kg, tem 18,1 kWh e está instalada no piso. Isso resultou em um centro de gravidade 2 cm mais baixo do que no híbrido normal, além de 260 kg a mais no peso total (1.910 kg). Relacionadas NotíciasQuanto custa manter um Toyota RAV4 híbrido de R$ 266.99016 mar 2021 - 08h03 NotíciasToyota RAV4 híbrido vai mal em famoso ‘teste do alce’4 dez 2020 - 18h12 NotíciasMitsuoka transforma Toyota RAV4 em Chevrolet Blazer dos anos 198029 out 2020 - 17h10 O câmbio é automático CVT e a tração é integral, garantida pelo motor elétrico na traseira. Com muito silêncio dentro e fora do carro, saímos para a experiência ao volante do RAV4 PHEV e percebemos boas reações, mesmo sem a participação do motor a gasolina. À medida que a velocidade aumenta, o torque elétrico instantâneo perde um pouco de sua explosividade, mas a resposta é sempre satisfatória. Um dos responsáveis por isso é o motor elétrico dianteiro, que tem praticamente a mesma potência do motor a combustão. Há seletor de modos de condução para gestão de energia, mostrados no painel. Cabo para recarga tem lugar no porta-malasDivulgação/Quatro RodasOutro aspecto positivo tem a ver com o comportamento equilibrado, fruto da plataforma GA-K, que tem feito maravilhas pelos novos Toyota. Graças a ela, o motorista se sente mais envolvido na condução, com melhor controle dos movimentos da carroceria. A suspensão independente nas quatro rodas também ajuda. Além dos modos de dirigir que já existiam (Eco, Normal, Sport e Trail), que alteram a resposta de direção, climatização, acelerador e sistema 4×4, existem programas específicos. <span class="hidden">–</span>Divulgação/Quatro RodasUm deles mantém a carga elétrica (quando se pretende economizar para uso urbano) e outro carrega a bateria usando o motor a gasolina. O volante tem borboletas que permitem variar a intensidade do grau de recuperação de energia. No nível mais forte dá para dirigir praticamente sem usar o pedal do freio. Basta soltar o acelerador para parar o carro. Quanto mais o RAV plug-in rodar na cidade, mais longa será a autonomia. Pode até ficar muito próxima dos 98 km informados pela Toyota, o que significa que muitos motoristas podem fazer o trajeto diário sem poluir. Para viagens longas, nem vale a pena pensar na média homologada de 100 km/l, porque quando a bateria se esgota o RAV4 consome gasolina, e ainda por cima levando nas costas todo o peso do sistema híbrido plug-in. <span class="hidden">–</span>Divulgação/Quatro Rodas<span class="hidden">–</span>Divulgação/Quatro RodasNesse caso, o melhor é considerar médias perto dos 12 km/l. A Toyota divulga alcance de 75 km no modo elétrico entre cidade e estrada. Segundo a montadora, o carregamento em tomadas domésticas de 2,3 kW (16 A) leva 7h30, e o tempo cai para 2h30 em pontos de 7,4 kW (32 A). Externamente o RAV4 PHEV ostenta grade mais esportiva, além de alterações nos dois para-choques, pintados de preto brilhante na parte inferior. Por dentro não há grandes novidades. Os materiais de revestimento são suaves ao toque na parte alta do painel e nas portas dianteiras, mas a zona intermediária do painel e as portas traseiras não receberam o mesmo cuidado. Segundo a fábrica, os vidros dianteiros são laminados com duas películas intercaladas por resina, para isolamento acústico. A central multimídia com tela tátil de 9” inclui vários botões físicos, para facilitar o manuseio. O mesmo vale para os comandos de climatização, localizados abaixo da tela. O senão é que o visual dos controles e grafismo do visor estão ultrapassados. A qualidade de imagem da câmera traseira também não agrada. Da mesma forma, o aspecto do quadro de instrumentos é datado. Apenas a zona central é digital, enquanto as laterais são preenchidas por mostradores analógicos. Duplo escapamento contrasta com proposta ecológica da versãoDivulgação/Quatro RodasA cabine acomoda cinco adultos sem grandes problemas. O porta-malas tem 520 litros, ou 60 litros a menos que na versão híbrida normal, por causa da bateria. Há menos área útil sob a base do compartimento, embora ela possa ser utilizada para acomodar o cabo de carregamento. Demorou. Mas, no conjunto, a versão plug-in é mais evoluída. Pena que a Toyota ainda não decidiu se vai oferecer esta versão no Brasil. Veredicto: A inclusão de uma tomada para recarga, com a retirada de um motor elétrico, na comparação com a versão híbrida convencional, fez bem ao RAV4. Baterias ficam sob o piso, mas o espaço da cabine não mudou.Divulgação/Quatro Rodas Apenas o porta-malas encolheu 60 lDivulgação/Quatro Rodas Recarga leva 7h30 em tomada doméstica. Motor a combustão gera 185 cv e 23,1 kgfm de torqueDivulgação/Quatro Rodas<span class="hidden">–</span>Divulgação/Quatro RodasFicha Técnica: Toyota RAV4 PHEV Preço: 49.500 euros Motor: 4 cil., 16V, injeção direta, 2.487 cm3; 185 cv a 6.000 rpm, 23,1 kgfm a 3.200 rpm Elétricos – 182 cv/27,5 kgfm e 54 cv /12,3 kgfm Câmbio: autom. CVT, tração 4×4 Direção: elétrica, diâm. giro, 11,8 m Suspensão: duplo A (diant.), multi-braços (tras.) Freios: disco ventilado nas quatro rodas Pneus: 225/50 R19 Dimensões: comprimento, 460 cm; largura, 185,5 cm; altura, 169 cm; entre-eixos, 269 cm; peso, 1.805 kg; porta-malas, 520 l; tanque, 55 l Desempenho: 0 a 100 km/h, 6 s; veloc. máx., de 180 km/h; tempo de recarga, 7h30 (2,3 kW) e 2h30 (7,4kW) The post Toyota RAV4 híbrido plug-in tem potência de BMW e roda muito sem gasolina appeared first on Quatro Rodas. View the full article
  25. XJ220 View the full article
  26. Que a semana seja descoplicados para todos. View the full article
  27. <span class="hidden">–</span>Tiago Kfouri/Primeira Marcha/ReproduçãoEspecialista em veículos elétricos, a BYD até já tem fábrica no Brasil, mas de ônibus. Nós até já dirigimos um deles. O furgão BYD eT3 até foi o elétrico mais vendido do Brasil em junho, mas você pode nunca ter visto nas ruas um dos quase 1.500 veículos que a fabricante chinesa já vendeu por aqui. Isso tende a mudar rapidamente. Clique aqui e assine Quatro Rodas por apenas R$ 8,90http://BYD QUATRO RODAS antecipou que a fabricante chinesa começará a vender o SUV elétrico Tang e o sedã Han no Brasil em 2022 e que planeja fazer isso por meio de um curioso esquema de vendas diretas, sem concessionárias no pais. Os primeiros carros já estão chegando ao Brasil, como revela o flagra publicado pelo site Primeira Marcha. <span class="hidden">–</span>Tiago Kfouri/Primeira Marcha/ReproduçãoO carro flagrado por por Tiago Kfouri é justamente o BYD Tang, um SUV de sete lugares com bastante personalidade e bateria relativamente grande, de 86,4 kWh e com células em forma de lâminas exclusivas da marca, capazes de promover maior aproveitamento do reservatório sob os ocupantes. Com preço adequado, BYD Tang pode atrapalhar rivais como o Toyota SW4Divulgação/Quatro RodasA ideia do Tang é unir tecnologia e conforto a uma performance esportiva, graças aos dois motores que entregam 516 cv – 6 cv a mais que um Mercedes-AMG C 63. A autonomia em ciclo NEDC chega aos 505 km e o tempo anunciado de 0 a 100 km/h é de 4,6 segundos. Tela central gigante é diratóriaDivulgação/Quatro RodasO interior chama atenção pela luz ambiente e pelo quadro de instrumentos digital de 12,8 polegadas. Mas a central multimídia com tela de 15,6 polegadas é um show a parte. Mesmo que todo carro hoje tenha uma grande tela, essa é bem destacada do painel e pode ser girada em 90° para se adequar ao gosto do motorista. Por enquanto, porém, a tela não é compatível com Android Auto e Apple Carplay. Sedã também virá <span class="hidden">–</span>BYD/DivulgaçãoOutro carro que também está previsto para chegar ao Brasil em um segundo momento é o sofisticado sedã Han, com nada menos que 493 cv de potência, tração integral e autonomia, na vida real, em torno de 500 km, favorecidos pelo coeficiente de arrasto de 0,233, sempre segundo a fábrica. Já considerado um rival do Tesla Model 3, ainda que esteja mais para Model S, o Han vai de 0 a 100 km/h em 3,9 segundos e conta com uma inteligência artificial que se conecta à nuvem e é capaz de aprender o estilo do dono, tornando mais precisos sistemas como assistente de permanência em faixa, ACC e AEB. Baterias laminares prometem maior capacidade de energia e, consequentemente, maior alcanceDivulgação/Quatro RodasO Han custa na Europa o equivalente a R$ 300.000 (um pouco menos que o SUV Tang). Para garantir preços que, se mantidos no Brasil, podem incomodar muito a modelos como Toyota SW4 e Honda Accord, entre outros, a BYD costuma praticar uma modalidade de venda direta, que dribla concessionárias, eliminando um componente do preço final. A prática, entretanto, deve esbarrar em restrições nacionais. Não pode ir à banca comprar, mas não quer perder os conteúdos exclusivos da Quatro Rodas? Clique aqui e tenha o acesso digital The post BYD Tang: SUV elétrico que estreia em 2022 é flagrado no Brasil appeared first on Quatro Rodas. View the full article
  1. Load more activity

AutoForum.com.br

O fórum para os maniacos por som automotivo e automóveis

×
×
  • Create New...