Ir para conteúdo


Foto

[Dúvida] Abaixo de R$ 60 mil, qual carro comprar?

53 respostas neste tópico

#1
Oryon

Oryon

    membro

  • Membro
  • 127 posts
  • Cadastrado: 16/04/2014
  • Cidade/UF:Salvador/BA

Saudações senhores,

 

A vida útil do meu Celta, foi abreviada na segunda-feira passada, um asno dirigindo um Corolla (sem seguro) provocou um engavetamento. Resultado, perda total no meu Chevrolet. Ele já estava a oito anos nos servindo. Iria trocá-lo em dois anos.

 

Permaneço com a mesma ideia, comprar um carro para utilizá-lo em torno de 7 a 10 anos. Gostaria de ter a opinião de todos. Estou com a mente aberta em relação as marcas. Limite apenas do preço (compra à vista) e carroceria hatch.

 

Utilizo o carro predominantemente em trecho urbano, sempre com ar-condicionado, meu trajeto contempla vias muito boas, congestionamento é comum, percorro anualmente no máximo 15 mil quilômetros. Prioridade: segurança, espaço e conforto.

 

Novos - Usar no mínimo 10 anos:

 

R$ 58.780: Ford Fiesta - 1.6 Manual - SEL

R$ 57.700: Honda Fit - 1.5 Manual - DX

R$ 57.560: Fiat Punto - 1.6 Manual - Essence

R$ 54.900: Peugeout 208 - 1.2 Manual - Allure

R$ 53.500: Hyundai HB20 - 1.0T Manual - Confort Style

R$ 52.690: Citroën C3 - 1.2 Manual - Tendance

R$ 52.190: Volkswagen Up - 1.0T Manual - High

 

Usados - Usar no mínimo 7 anos:

 

R$ 60.000: Volkswagen Golf - 1.4T Manual - Confortline

R$ 60.000: Chevrolet Cruze - 1.8 Automático - LTZ

R$ 58.800: Hyundai i30 - 1.8 Automático - MPI

R$ 58.500: Fiat Bravo - 1.8 Automatizado - Sporting

R$ 54.700: Ford Focus - 1.6 Manual - SE

R$ 51.500: Peugeout 308 - 1.6T Automático - Griffe

 

Vou começar a fazer os testes nesse sábado. A escolha não está restrita a esses modelos. Tendo outras opções em vista, fiquem à vontade para sugerir. Eu estou ainda levantando dados com relação a custo da manutenção e preço de seguro dos usados.

 

Até mais,


Editado por Oryon, 20 setembro 2016 - 01:43 .

  • 1



#2
Oryon

Oryon

    membro

  • Membro
  • 127 posts
  • Cadastrado: 16/04/2014
  • Cidade/UF:Salvador/BA

Caros,

 

Passei o dia nas concessionárias. Não tomamos uma decisão, daí considero importante a opinião de todos. Descobri que nosso dinheiro não tem valor! O preço é absolutamente o mesmo, seja à vista ou financiado. É mais vantajoso dar uma entrada e parcelar o restante em até 18 meses do quê pagar à vista. Visto que o juro líquido recebido em determinadas aplicações são maiores que aqueles cobrados nos financiamentos, o tal custo de oportunidade. 

 

1º Peugeout

 

Disparadamente o melhor atendimento, o vendedor conhecia bem os produtos e nos deu total atenção. Infelizmente, não tinham o 208 para test-drive - o carro estava emprestado para jornalistas. Gostamos muito do carro, por conta do consumo, preço das revisões, design interno e externo. O que pesou negativamente foi o ágio cobrado, o fabricante sugere R$ 54.900, na loja está por R$ 4 mil a mais. O carro também não conta com ISOFIX e bancos de couro.

 

2º Fiat

 

Segundo melhor atendimento. Fomos em busca do Bravo, não tinham. Mas o vendedor nos apresentou o Linea (1.8 e-torq) e ofereceu o test-drive, aceitei. O carro tem design cansado, internamente me pareceu simples em face do 408 que também analisamos. O carro me pareceu amarrado para desenvolver e as trocas de marcha eram muito evidentes - isto talvez por ser automatizado. O ar-condicionado não mostrou eficiência. Era o último da loja, o vendedor nos ofereceu por R$ 64 mil.

 

3º Ford

 

Sem dúvida um dos piores atendimentos, não por grosseria pessoal. O vendedor limitou-se a nos mostrar onde estava o carro, dizer seu preço e simular as condições de pagamento. O Fiesta também tinha um pequeno ágio em relação a sugestão Ford. Não gostamos dele internamente, esperava mais em relação a acabamento e espaço. Perdemos interesse de testá-lo. Positivamente, esta concessionária ofereceu a menor taxa de juros.

 

4º Volkswagen 

 

Não havia disponível a versão High, apenas o Move TSI que estava sendo vendido ao mesmo preço da High - grande ágio. Questionei isto a vendedora, ela me responde com outra pergunta: "Qual a diferença de um para o outro? Só as rodas!" #SQN. Não tinham o TSI para test-drive, apenas o aspirado - não me interessei. O carro é muito simples. Os assentos são super firmes para não dizer duros. O porta malas apesar de ter 285 litros, parece não ser fácil aproveitá-lo.

 

5º Honda

 

Testamos um Fit Ex (1.5) usado, com 25 mil km e quase dois anos de uso: preço R$ 56,5 mil. Minha esposa gostou muito dele. Achei a direção eletro-hidráulica excessivamente leve, a transmissão CVT faz um belíssimo trabalho. A suspensão é firme. Já o Fit Dx manual, 0 Km, custa R$ 60 mil. O atendimento na parte de usados foi ótimo. Na parte dos novos a vendedora foi muito indiscreta, quando informamos as parcelas que poderíamos pagar: sério? ganham dinheiro como? Nos levantamos, ficou sem resposta.

 

6º Hyundai

 

Nos deparamos com várias versões de HB20, fizemos o test do Style 1.0 Turbo. Reconheço que é bem esperto, mas o desempenho não é nada impressionante. Silencioso, direção leve, mas não tanto quanto o Fit. Revisões com preço fixo e adequado. Era o último, nos ofereceram um senhor desconto. Foi o carro novo mais barato e com a terceira menor taxa de financiamento. Nos pareceu a compra mais racional. Bom atendimento.

 

7º Citroën

 

Tomei um susto com o ágio do C3, praticado na versão Tendance, o maior de todos: R$ 8 mil. A minha esposa adorou, teve o melhor ajuste de banco (ela é pequena, esse C3 a deixou nas alturas), além de ser bem macio (gostei). Dentre os hatches foi o mais caro de todos. Não cogitei seriamente nenhum sedã ou perua porque minha esposa os vê como carros de pessoas idosas. Mas na Citroën se apaixonou pelo C4 Lounge, quem entende? 

 

Quantos aos hatches médios usados, não testei nenhum. Achei Cruze, 308 e Focus - todos com má conservação.

 

Por hora é isto.

 


  • 0

#3
eduardo_vaz

eduardo_vaz

    membro

  • Membro
  • 465 posts
  • Cadastrado: 22/09/2008
  • Cidade/UF:Curitiba
Cara, 60k é uma boa grana! Pra ficar todo esse tempo com um carro acho que 0km é a melhor opção! Pouco tempo atrás vi gente comprando Bravo Essence 0km por menos de 60k, acho mais jogo que esses hatch compactos. Pug 308 1.6 tbm, mas antes de mudar o modelo.
Só digo uma coisa, com dinheiro na mão vc é que manda. Tem que ser "cara de pau" mesmo, gostou do carro fale pago "X" valor, se vc não fizer procuro outro. Fim de mês principalmente, os caras tem metas e fazem qualquer negócio. Tempo atrás meu pai foi comprar um Gol em CSS, fez uma oferta (uns 3 mil abaixo do valor pedido) e o vendedor só faltou debochar dele. Ele saiu e falou que estava indo no feirão da GM, quando chegou lá o vendedor da VW estava ligando pra ele fechar negócio kkk.

  • 1

#4
Estevao

Estevao

    membro master

  • Membro
  • 1.366 posts
  • Cadastrado: 12/07/2010
  • Cidade/UF:Campo Bom/RS

118i ou 120i


  • 1

#5
maxxrj

maxxrj

    novato

  • Membro
  • 98 posts
  • Cadastrado: 23/03/2014
Eu iria de c3 ou 208 com motor puretech, são motores que estão dentro da tendência de mercado do downsizing, mas faça o melhor negócio é não aceite o sobrepreço.

  • 1

#6
Oryon

Oryon

    membro

  • Membro
  • 127 posts
  • Cadastrado: 16/04/2014
  • Cidade/UF:Salvador/BA

Cara, 60k é uma boa grana! Pra ficar todo esse tempo com um carro acho que 0km é a melhor opção! Pouco tempo atrás vi gente comprando Bravo Essence 0km por menos de 60k, acho mais jogo que esses hatch compactos. Pug 308 1.6 tbm, mas antes de mudar o modelo.
Só digo uma coisa, com dinheiro na mão vc é que manda. Tem que ser "cara de pau" mesmo, gostou do carro fale pago "X" valor, se vc não fizer procuro outro. Fim de mês principalmente, os caras tem metas e fazem qualquer negócio. Tempo atrás meu pai foi comprar um Gol em CSS, fez uma oferta (uns 3 mil abaixo do valor pedido) e o vendedor só faltou debochar dele. Ele saiu e falou que estava indo no feirão da GM, quando chegou lá o vendedor da VW estava ligando pra ele fechar negócio kkk.

 

Eduardo, obrigado pela atenção. Penso igual a você, acredito que para períodos prolongados de uso. É mais interessante comprar um carro novo, serei o único dono e responsável por todas manutenções, combustíveis utilizados, tipo de condução, etc... Com o dinheiro que tenho disponível para o carro, compro hoje apenas esses compactos arrumadinhos. Infelizmente, tudo que quero encontro apenas no setor dos carros médios, mas estes novos custam ao menos R$ 70 mil.

 

São viáveis, apenas no mercado de usados. Vou começar a fazer contato com particulares, acredito que o poder de barganha seja maior. Visto que nas concessionárias, chega ser irritante o argumento dos vendedores: "se financiar hoje, amanhã o dinheiro está na conta... para nós, tanto faz à vista ou no prazo". Vou aguardar os telefonemas de retorno, adotarei a estratégia "cara de pau". Pior que com toda esta crise, os caras estão reajustando os preços dos carros quase que quinzenalmente.

 

118i ou 120i

 

Estevão, sou um fã da BMW. Nos meus sonhos figuram um belíssimo Série 4, precisamente o 428i GP... Mas hoje para mim, é completamente inviável manter um veículo da marca - mesmo esses de entrada e usados. Apesar do preço absurdo do nosso combustível, o consumo até que não seria o maior problema. Mas sim o preço de: seguro, manutenção e cesta de peças. Tenho pensado seriamente no Peugeot 308, com motor THP que é BMW, ao menos em desempenho estaria próximo desses modelos bávaros. Obrigado pela sugestão.  

 

Eu iria de c3 ou 208 com motor puretech, são motores que estão dentro da tendência de mercado do downsizing, mas faça o melhor negócio é não aceite o sobrepreço.

 

Maxxrj, valeu mesmo pela opinião. Desses que fui ver o que mais me agradou foi o Peugeot 208. O pecado dele é segurança: retiraram as barras de proteção das portas, não tem isofix e na última avaliação (2016) do Latin Ncap, ficou com apenas duas estrelas. O C3 segue pelo mesmo caminho: sem encosto de cabeça para o terceiro ocupante atrás, cinto de três pontos, dois air bags (o 208 tem quatro) e provavelmente, também não deve ter as barras de proteção. Os herdeiros chegarão em um ou dois anos e quero tê-los em segurança. Se estivesse com uma criança no Celta, no dia do acidente, uma fatalidade teria ocorrido - sem dúvida. Apesar desses senões, só compraria um dos dois no preço anunciado ou abaixo, a margem desses concessionários é enorme.


  • 0

#7
LukasRS

LukasRS

    membro master

  • Membro
  • 594 posts
  • Cadastrado: 23/01/2012
  • Cidade/UF:NH/RS

Precisa ser Hatch?

 

Digo isso pois, vc falou que o vendedor ofereceu um linea...


  • 1

#8
Oryon

Oryon

    membro

  • Membro
  • 127 posts
  • Cadastrado: 16/04/2014
  • Cidade/UF:Salvador/BA

Precisa ser Hatch?

 

Digo isso pois, vc falou que o vendedor ofereceu um linea...

 

Eu gosto mais de sedãs e peruas, mas a esposa prefere carrocerias do tipo hatch. Quando fomos à Fiat, queríamos ver o Bravo, na ausência dele foi sugerido um test-drive no Linea para ter uma ideia de como seria o Bravo. Todavia ambos foram descartamos, por conta do preço. O Bravo é viável apenas usado, mas não o encontrei em bom estado.

 

Hoje demos continuidade a saga. Fomos num shopping de carros usados, encontramos vários Focus. O melhor era 1.6 manual (2014/2015) com aproximadamente 25.000 km e custando cerca de R$ 53 mil. De tudo que vimos por lá, nada realmente nos agradou - está sendo uma tarefa fatigante.

 

Em seguida fomos a Chevrolet. Testamos o Onix Active 1.4 (AT). Confortável, boa direção e câmbio regular. Mas não vale insanos R$ 62 mil! Ainda mais se lembrarmos das ausências de vários atributos importantes e presença de muitas rebarbas, vãos e desalinhamentos em todos os lados.

 

Pensando bem, o Up TSI acaba sendo uma aquisição menos ruim: desempenho, consumo, segurança, manutenção e seguro. O porta malas, tem capacidade em litros superior a Fiesta, Onix e Punto, é igual a do 208 e perde para o C3 e Fit. Negativo é espaço para ocupantes, preço, taxa de juros e limitação para SQ.

 

Tenho um sistema que nunca ouvi, seria instalado no Celta e agora parece-me inviável no Up: Alpine CDE-HD149BT, Focal Performance 130, Subwoofer JL Audio 10W1v3-4, Shok Industries Reference Pro e Focal Solid4. O user FiveStar apesar de todo trabalho que teve no Up, mesmo assim, parece, não ter tido bom retorno.

 

Quanto mais eu penso, mais desanimo! Descartei o Peugeot 308 e Citroën C3, ambos nas versões atuais não contam com barras de proteção nas portas - coisa que até meu finado Celta tinha. É uma economia tão porca, que chega ser inacreditável.

 

Vamos adiante.  


  • 0

#9
Marcos...V

Marcos...V

    membro

  • Membro
  • 380 posts
  • Cadastrado: 03/09/2014
  • Cidade/UF:Goiânia - GO

Gosto bastante de sedan, eu olharia Corolla, Jetta Aspirado, Azera, Civic, acredito que com este orçamento se consegue um otimo carro numa categoria acima!!!

 

Caso seja dentre os mencionados eu iria no honda (City ou Fit), hyundai e por ultimo o VW, os demais apesar de serem bons carros não compraria ou por valor de revenda muito baixo ou por medo de manutenção mesmo!!! Ford tem fama de cara aqui em Goiás, PUG e Citroen desvalorização acima da média, Fiat não gosto pq não gosto nem tenho argumento, gosto do Punto mas já está com visual cansado na minha opinião!!! 


  • 1

#10
Oryon

Oryon

    membro

  • Membro
  • 127 posts
  • Cadastrado: 16/04/2014
  • Cidade/UF:Salvador/BA

Gosto bastante de sedan, eu olharia Corolla, Jetta Aspirado, Azera, Civic, acredito que com este orçamento se consegue um otimo carro numa categoria acima!!!

 

Caso seja dentre os mencionados eu iria no honda (City ou Fit), hyundai e por ultimo o VW, os demais apesar de serem bons carros não compraria ou por valor de revenda muito baixo ou por medo de manutenção mesmo!!! Ford tem fama de cara aqui em Goiás, PUG e Citroen desvalorização acima da média, Fiat não gosto pq não gosto nem tenho argumento, gosto do Punto mas já está com visual cansado na minha opinião!!! 

 

Marcos,

 

Agradecido pela colaboração. Eu gostaria muito de avançar na direção do Jetta, Civic, Corolla... Mas sedãs médios, realmente estão fora. O Fit permanece com bons atributos, segurança, espaço e conforto. Apenas me deparei com preços altos para os mimos que oferece e revisões salgadas. Qual a questão com a VW?

 

Hoje por sinal fiz um test-drive no UP TSI, devo dizer... Que desempenho bacana. Ele seria o carro ideal, se maior fosse. Tanto o Peugeot como Citroën, verifico esse problema da desvalorização. Mas seria um carro para passar em torno de 10 anos, qualquer uma dessas marcas não valeria grande coisa.

 

Fiz umas simulações com corretores diferentes e o seguro está super alto, para HB20 1.0T e UP 1.0T, ambos com propostas  variando em torno R$ 2,3 a R$ 2,8 mil. Não consigo perceber melhor custo benefício em quase nada. Poucas coisas na vida queimam dinheiro tão facilmente, quanto um carro.

 

Até mais.  


  • 0

#11
rossetto

rossetto

    veterano

  • Membro
  • 6.977 posts
  • Cadastrado: 18/10/2003
  • Cidade/UF:Lucas do Rio Verde - MT

Vai ficar bastante tempo com um carro? Então pegue carro japonês, não tem segredo


  • 1

#12
peagaah

peagaah

    Raphael

  • Membro Pró
  • 6.936 posts
  • Cadastrado: 16/08/2005
  • Cidade/UF:Joinville - SC

meu 308 vai fazer fez 4 anos, 2.0 MT... estou fazendo a revisão dos 50k hoje, já é a segunda fora da css pois a garantia é 3 anos.

 

estou contente com o carro, a susp. é dura, direção um pouco tbm (notados no TD). Mas do terrorismo que me fizeram que é ruim, beberrão, caro pra manter não vi nada até agora (49 mil km rodados).

 

Não tenho mais frescura com carro, então asfalto ou terra no máximo desviar de uns buracos maiores. Vou 5 vezes por ano pro sítio, no verão vou praia e pego alguns KM de chão batido... de suspensão vou trocar pela primeira vez uma peça, que é o pivo do lado direito.

 

Seguro barato, R$ 1400 este ano com todas as coberturas. 

 

Sobre desvalorização:

 

Paguei 57.. valor da fipe é 38k. 19 mil em 4 anos, 4,75k/ano.

 

Minhas outras opções que lembro na época:

 

CRUZE, não rolou pois custava 68k e pela fipe hoje está 47. 21 mil em 4 anos, 5,25 em 4 anos. 

i30 AT por 59 (Promoção pois logo viria o modelo novo) a Fipe hj é igual do 308, 38k com desvalorização parecida

Tiida AT tinha por 54 mas subiu pra 58, FIPE hoje 32k, maior desvalorização

 

:legal:


Editado por peagaah, 21 setembro 2016 - 11:47 .

  • 1

#13
Oryon

Oryon

    membro

  • Membro
  • 127 posts
  • Cadastrado: 16/04/2014
  • Cidade/UF:Salvador/BA

meu 308 vai fazer fez 4 anos, 2.0 MT... estou fazendo a revisão dos 50k hoje, já é a segunda fora da css pois a garantia é 3 anos.

 

estou contente com o carro, a susp. é dura, direção um pouco tbm (notados no TD). Mas do terrorismo que me fizeram que é ruim, beberrão, caro pra manter não vi nada até agora (49 mil km rodados).

 

Não tenho mais frescura com carro, então asfalto ou terra no máximo desviar de uns buracos maiores. Vou 5 vezes por ano pro sítio, no verão vou praia e pego alguns KM de chão batido... de suspensão vou trocar pela primeira vez uma peça, que é o pivo do lado direito.

 

Seguro barato, R$ 1400 este ano com todas as coberturas. 

 

Sobre desvalorização:

 

Paguei 57.. valor da fipe é 38k. 19 mil em 4 anos, 4,75k/ano.

 

Minhas outras opções que lembro na época:

 

CRUZE, não rolou pois custava 68k e pela fipe hoje está 47. 21 mil em 4 anos, 5,25 em 4 anos. 

i30 AT por 59 (Promoção pois logo viria o modelo novo) a Fipe hj é igual do 308, 38k com desvalorização parecida

Tiida AT tinha por 54 mas subiu pra 58, FIPE hoje 32k, maior desvalorização

 

:legal:

 

Muito bom, mesmo, o seu relato. Eu particularmente não tenho preconceitos quanto a marcas, sobretudo as francesas. Percebe-se com facilidade o esforço que determinadas montadoras fazem para destruir a imagem da concorrência. Infelizmente no patamar de preços que estamos, com R$ 60 mil, não compra-se um hatch médio novo, apenas usado. Se eu não tivesse tantas limitações orçamentárias essas seriam minhas escolhas de veículos novos:

 

1º Perua: Volkswagen Golf Variant, - espaço, segurança, conforto e economia.

2º Sedã Médio: Citroën C4 Lounge, THP - espaço, segurança e conforto.

3º Hatch Médio: Peugeot 308 THP - segurança, conforto e desempenho.

 

Compreendo bem que para o motor do 308, no caso o THP com mais de 160HP, o consumo dele pode ser considerado econômico. Visto que ele anda muito mais que Cruze, i30, Bravo e Focus, consumindo o mesmo ou até menos. Ele anda mais que Golf também, mas perde em consumo. O Golf ao meu ver tem um CXB ruim. Minha infelicidade maior é que sonho com os médios e muito provavelmente comprarei um compacto ou subcompacto. 

  

Vai ficar bastante tempo com um carro? Então pegue carro japonês, não tem segredo

 

Obrigado pela sugestão. Carro nipônico nas minhas condições, novo, seria o Honda Fit Manual DX. Que acaba tendo um custo benefício baixo em relação a outros carros na mesma faixa de preço. A desvalorização (não importo-me muito com isto, pois pretendo passar 10 anos) dele é até superior a alguns concorrentes e o preço da manutenção tabelada é salgada, especialmente aquelas de 30 e 60 mil quilômetros. Sem qualquer alegria ou entusiasmo pela compra, estou quase fechando um Up Move TSI - segurança e economia com desempenho. Se comprá-lo dou adeus ao meu projeto SQ - terei que vender toda parafernalha acumulada. Que transtorno...

 

Vamos adiante. 


  • 0

#14
MárcioCaldas

MárcioCaldas

    membro

  • Membro
  • 422 posts
  • Cadastrado: 26/03/2009
  • Cidade/UF:Pião de Trecho

Estou com uma questão parecida!

 

Também curto carro hacht só que estou pendendo um pouco para o Jetta,Civic ou talvez voltar para o Cruze.. pasmafaute


  • 1

#15
paulo26

paulo26

    membro

  • Membro
  • 445 posts
  • Cadastrado: 30/10/2011
  • Cidade/UF:Santa Maria

Bom dia Oryon, tudo bem ?

Olhei seu tópico por acaso e resolvi dar minha opinião!

Vi que existem 4 a 5 carros que tu não descartou e estão entre 55 e 60 mil, ou seja, valores muito similares!
Então, sua prioridade é segurança, espaço e conforto.

Tenho um Golf 1.4 TSI Highline Manual, a sua opção é quase igual o meu, só que confortline (acabamento mais simples).

Pelo valor do carro "60 mil" te aconselharia sem sombra de dúvidas ir nele! Vou citar meus motivos (sem ser tendencioso, é que o carro é bom mesmo).

-Segurança (nota máxima no LATIN NCAP)
- 7 air bags
- ESC (controle de estabilidade)
- ASR (controle de tração)
- EBD (distribuição de frenagem)
- Plataforma MQB (mesma usada na audi) (carro + leve e habitáculo mais seguro pelas ligas de material usadas)
- Disco nas 4 rodas (sistema hiperdimensionado para o carro, dava para ter uns 200cv tranquilo)

- Espaço: Viajo todo final de semana com ele, 120km de ida e 120km de volta (4 pessoas), vai super tranquilo, leva 4 pessoas adultas com conforto e sobrando espaço, sem encostar joelho nos bancos etc... O porta malas que não é dos maiores, mas eu sempre consigo encaixar tudo para que caiba certinho!
Da para viajar em 5, não é espaço que falta, mas o banco central traseiro é meio duro porque é a parte que abaixa o porta copos e aqueles mimos do carro, mas possui cinto normal e encosto de cabeça!

- Conforto: Não preciso nem mencionar, vá fazer um testdrive! A suspensão do carro é firme (não dura), acho o carro muito confortável, porém uso rodas aro 16 com pneus michelin (que não são muito duros).
- Direção elétrica leve e precisa
- Bancos concha muito com apoio de lombar regulável
- Cambio de 6 marchas engates precisos e embreagem não é dura!
- Se tu pegar engarrafamento forte talvez o start-stop até lhe de uma economia legal de combustível!

No mais tenho o carro desde 2013, até hoje só alegrias, viajo a 100-120 km\h e faço médias de 15.5 - 16.5 km\l
Revisão eu acho barata, tudo tabelado pela volkswagen, pagando à vista tem um baita desconto!

Peças são barbadas de encontrar! (exemplo, pastilhas de freio custam R$ 1.000,00 na ccs), na internet galera compra por 400,00 (marca original e com sensor de desgaste).

Tendo o cuidado necessário com o carro, revisão periódica, utilização de óleo correto, gasolina boa, não vai te dar problema nenhum!
Nunca soube de turbina do 1.4 estragando ou algum ítem mecanico, apenas o cambio dsg7 nos modelos alemães (alguns carros precisaram de reparo) mas não vem ao caso, é o manual a nossa escolha!

Qualquer dúvida manda mensagem! Abração!


  • 1

#16
Oryon

Oryon

    membro

  • Membro
  • 127 posts
  • Cadastrado: 16/04/2014
  • Cidade/UF:Salvador/BA

Bom dia Oryon, tudo bem ?

Olhei seu tópico por acaso e resolvi dar minha opinião!

Vi que existem 4 a 5 carros que tu não descartou e estão entre 55 e 60 mil, ou seja, valores muito similares!
Então, sua prioridade é segurança, espaço e conforto.

Tenho um Golf 1.4 TSI Highline Manual, a sua opção é quase igual o meu, só que confortline (acabamento mais simples).

Pelo valor do carro "60 mil" te aconselharia sem sombra de dúvidas ir nele! Vou citar meus motivos (sem ser tendencioso, é que o carro é bom mesmo).

-Segurança (nota máxima no LATIN NCAP)
- 7 air bags
- ESC (controle de estabilidade)
- ASR (controle de tração)
- EBD (distribuição de frenagem)
- Plataforma MQB (mesma usada na audi) (carro + leve e habitáculo mais seguro pelas ligas de material usadas)
- Disco nas 4 rodas (sistema hiperdimensionado para o carro, dava para ter uns 200cv tranquilo)

- Espaço: Viajo todo final de semana com ele, 120km de ida e 120km de volta (4 pessoas), vai super tranquilo, leva 4 pessoas adultas com conforto e sobrando espaço, sem encostar joelho nos bancos etc... O porta malas que não é dos maiores, mas eu sempre consigo encaixar tudo para que caiba certinho!
Da para viajar em 5, não é espaço que falta, mas o banco central traseiro é meio duro porque é a parte que abaixa o porta copos e aqueles mimos do carro, mas possui cinto normal e encosto de cabeça!

- Conforto: Não preciso nem mencionar, vá fazer um testdrive! A suspensão do carro é firme (não dura), acho o carro muito confortável, porém uso rodas aro 16 com pneus michelin (que não são muito duros).
- Direção elétrica leve e precisa
- Bancos concha muito com apoio de lombar regulável
- Cambio de 6 marchas engates precisos e embreagem não é dura!
- Se tu pegar engarrafamento forte talvez o start-stop até lhe de uma economia legal de combustível!

No mais tenho o carro desde 2013, até hoje só alegrias, viajo a 100-120 km\h e faço médias de 15.5 - 16.5 km\l
Revisão eu acho barata, tudo tabelado pela volkswagen, pagando à vista tem um baita desconto!

Peças são barbadas de encontrar! (exemplo, pastilhas de freio custam R$ 1.000,00 na ccs), na internet galera compra por 400,00 (marca original e com sensor de desgaste).

Tendo o cuidado necessário com o carro, revisão periódica, utilização de óleo correto, gasolina boa, não vai te dar problema nenhum!
Nunca soube de turbina do 1.4 estragando ou algum ítem mecanico, apenas o cambio dsg7 nos modelos alemães (alguns carros precisaram de reparo) mas não vem ao caso, é o manual a nossa escolha!

Qualquer dúvida manda mensagem! Abração!

 

Paulo,

 

Fico muitíssimo agradecido pelo relato, importante, que fez. Este Golf, 1.4T, Manual, Highline, Alemão é excepcional, parabéns! Na categoria Hatch Médio, no meu ponto de vista, o Golf equipado com o TSI (seja ele o 1.0, 1.4 ou 2.0), é o melhor produto disponível em face de todos esses pontos que você enumerou. Para mim, melhor que este hatch somente a perua. Pontos negativos seriam: preço do seguro e atenção que desperta. Meu dilema é o seguinte:

 

Não tenho condições de comprar um novo, mas teria tranquilamente como mantê-lo (revisões, impostos, seguros, combustíveis). Daí um usado, seria excelente. Como o carro é muito bom, não encontro, seja aqui no município ou Estado, boas ofertas. Vi o anúncio de um Confortline Alemão no interior... Com mais de 50 mil quilômetros rodados e sinais de má conservação, por um preço tão alto, que tornava o novo mais vantajoso. Boa parte dos usados dele, apresentam valorização nominal. Não dá.

 

Após uma análise extremamente criteriosa, concluí impossibilidade na mudança de categoria. Agora no andar de baixo, os preços estão ainda mais absurdos. E definitivamente não há opções que contemplem otimamente: segurança, conforto, economia e espaço. Então abri mão do espaço. Depois de inúmeros test-drives, idas e vindas em várias concessionárias (mesmo naquelas onde não há nada interessante), idem para corretoras. Cheguei numa decisão.

 

Escolhi Up TSI: Dos quatro testes que fiz nele, um contou com quatro pessoas a bordo. O carro dispõe de um desempenho surpreendente, consumo baixo, tem bom pacote de itens de segurança e o básico de comodidade. Consegui R$ 1,8 mil em desconto, emplacamento e custo com juros e IOF por volta de R$ 2 mil. Dos carros analisados teve o menor preço na cotação de seguro (R$ 1,3 mil) e revisões até 60 mil quilômetros (R$ 2,4 mil). Sua robustez foi comprovada no Teste de Longa Duração da Quatro Rodas.  

 

Estou com uma questão parecida!

 

Também curto carro hacht só que estou pendendo um pouco para o Jetta,Civic ou talvez voltar para o Cruze.. pasmafaute

 

Interessante... Se tivesse possibilidades financeiras de optar por um desses modelos mais novos, ficaria em dúvida entre o Jetta e Cruze - por conta das motorizações. O Civic só oferece o 1.5T na versão Touring por um preço insano. Especificamente, entre Jetta e Cruze, acho que escolheria o Cruze. Porque o Jetta em termos de mimos só fica interessante quando compra-se um daqueles pacotes caríssimos. Já o porta-malas do Jetta é imbatível.

 

Já a minha escolha, não deve lhe ajudar em nada... Eu vou comprar um Up TSI. Se bem que tenho um amigo que está vendendo um Nissan Sentra e vai comprar um compacto. Em dois anos perdeu muito dinheiro em depreciação e os custos gerais, apesar de poder mantê-lo, tornaram-se estorvo à outras prioridades. No meu pensamento, nenhum desses carros é interessantes para trocas inferiores a 5 anos.

 

Ainda não fechei a compra do Up. Se alguém tem algo contra que fale agora ou cale-se para sempre! Brincadeira. Resumindo, não é uma compra feliz, mas é aquela que privilegia em várias frentes o baixo custo, contemplando minimamente alguns pontos tidos como relevantes. Agora o que resta é avaliar se vale mais a pena aguardar o face-lift do Up, nas concessionárias em 02/2017, para barganhar descontos no modelo antigo ou fechar a proposta atual.

 

Até mais.


  • 0

#17
Brucerodo

Brucerodo

    membro

  • Membro
  • 472 posts
  • Cadastrado: 19/01/2012
  • Cidade/UF:Alfenas/ MG
Cara gosto é gosto e me encontro em uma dilema tbm. Possuo um Etios 1.3x hatch 15/16, excelente carro me atende muito bem. Economia nem se fala, porém quero um carro mais confortável, assim estou declinado a cair num semi novo. Mas estou estudando o caso, o que quero relatar e sobre o Up.
Cara o Up tsi é show de bola, câmbio preciso, resposta rápida, direção leve e precisa. Gostei muito do carro, porém minha cunhada tem um modelo move se não me engano mas não é tsi.
Fizemos uma viagem de Joinville a florianopolis nele e fui no banco de trás, tenho 1.85 de altura. Cheguei travado lá em Floripa. Estava quase trocando meu Etios nesse tsi, mas já mudei de ideia tendo em vista o conforto. Pois como sou alto ele não fico numa posição tão boa pra mim dirigir.
Aqui no sul de minas ia comprar com desconto de pessoas acometido por alguma doença expressa no rol da legislação. De 48 mil iria sair por 37.860,00.
Porém esse fato do banco traseiro me desanimo bem.
Obs.: caso goste da toyota e não liga pra aparência, dá uma olhada no novo Etios, com comando vvti, e outras melhorias. A desvalorização dele é muito baixa, comprei o meu por 37.680,00 a vista. A tabela dele hj da 37 mil e pouco ainda, ou seja, rodei um ano e até agora não perdi quase nada. Haha

  • 1

#18
Brucerodo

Brucerodo

    membro

  • Membro
  • 472 posts
  • Cadastrado: 19/01/2012
  • Cidade/UF:Alfenas/ MG
Duplicou

Editado por Brucerodo, 25 setembro 2016 - 05:41 .

  • 0

#19
Brucerodo

Brucerodo

    membro

  • Membro
  • 472 posts
  • Cadastrado: 19/01/2012
  • Cidade/UF:Alfenas/ MG
Triplicou. Hahaha

Editado por Brucerodo, 25 setembro 2016 - 05:41 .

  • 0

#20
Brucerodo

Brucerodo

    membro

  • Membro
  • 472 posts
  • Cadastrado: 19/01/2012
  • Cidade/UF:Alfenas/ MG
Quadruplicou... Porcaria de celular. Lkkkk

Editado por Brucerodo, 25 setembro 2016 - 05:42 .

  • 0

#21
Oryon

Oryon

    membro

  • Membro
  • 127 posts
  • Cadastrado: 16/04/2014
  • Cidade/UF:Salvador/BA

Cara gosto é gosto e me encontro em uma dilema tbm. Possuo um Etios 1.3x hatch 15/16, excelente carro me atende muito bem. Economia nem se fala, porém quero um carro mais confortável, assim estou declinado a cair num semi novo. Mas estou estudando o caso, o que quero relatar e sobre o Up.
Cara o Up tsi é show de bola, câmbio preciso, resposta rápida, direção leve e precisa. Gostei muito do carro, porém minha cunhada tem um modelo move se não me engano mas não é tsi.
Fizemos uma viagem de Joinville a florianopolis nele e fui no banco de trás, tenho 1.85 de altura. Cheguei travado lá em Floripa. Estava quase trocando meu Etios nesse tsi, mas já mudei de ideia tendo em vista o conforto. Pois como sou alto ele não fico numa posição tão boa pra mim dirigir.
Aqui no sul de minas ia comprar com desconto de pessoas acometido por alguma doença expressa no rol da legislação. De 48 mil iria sair por 37.860,00.
Porém esse fato do banco traseiro me desanimo bem.
Obs.: caso goste da toyota e não liga pra aparência, dá uma olhada no novo Etios, com comando vvti, e outras melhorias. A desvalorização dele é muito baixa, comprei o meu por 37.680,00 a vista. A tabela dele hj da 37 mil e pouco ainda, ou seja, rodei um ano e até agora não perdi quase nada. Haha

 

Brucerodo,

 

Sobre o seu Etios, qual ponto em específico do conforto não lhe agrada? Está pensando em qual semi-novo?

 

Muito bom seu relato também, gostei. Minha estatura é bem semelhante a sua. Realmente, o espaço para os ocupantes é super limitado. Este é o principal problema dele. Utilizarei o carro majoritariamente dentro da cidade, a concluir pelo Celta dávamos poucas e curtas caronas. Minha questão com o espaço é em relação ao futuro, a família irá crescer com um ou dois filhos - num intervalo de 2 ou 3 anos.

 

Por isso repito, não é uma escolha com entusiasmo. Os vendedores fizeram valer o salário deles ao me atender, pois a tática de venda que valoriza o lado emocional não colou. Quanto ao Etios, realmente não fui vê-lo. Design para mim, não é uma prioridade. Vou dar um pulo na concessionária Toyota na segunda-feira, dar uma olhada no carro e cotar o seguro dele.

 

Um abraço, até mais.


  • 0

#22
Brucerodo

Brucerodo

    membro

  • Membro
  • 472 posts
  • Cadastrado: 19/01/2012
  • Cidade/UF:Alfenas/ MG
Cara, aí que tá, na questão de falta de conforto ainda não encontrei. Estou esperando alguém para fazer uma viagem comigo para ir dirigindo e eu ir atrás para saber como ele é, pois nunca andei.
A posição de dirigir dele não é ruim, mas comparado ao fit que andei, fica bem inferior, mas acho superior ao Up, pois no Up minha. Cabeça quase bate no teto e minha visão fica restrita pois enxergo um pouco do teto.
Agora questão de espaço interno eu te garanto que no seguimentos dele, nenhum bateu ele. Além de espaçoso ele não tem o túnel no meio.

Penso em trocar em um corolla, jetta, civic, fit ou lancer, porém estou com receio de descer de ano.

Agora a única coisa que pesa pra mim no Etios é o porta malas muito pequeno.

O seguro do meu pago 1560,00 com cobertura total e franquia reduzida. Tenho 26 anos.

Cara esse novo Etios é bem melhor que o meu, a direção muito precisa, suspensão super acertada, computador de bordo, isofix e a melhora do motor com o consumo, com o vvti e a 6 marcha.
Se eu não pegar um semi novo, logo pego um novo Etios.
Pos venda da toyota é excelente e as revisões barata.
Mas comparando com motor, ele não consegue acompanha o Up não.

Dica: anda no Etios, foi o que fez eu optar por ele. Haha

  • 1

#23
Oryon

Oryon

    membro

  • Membro
  • 127 posts
  • Cadastrado: 16/04/2014
  • Cidade/UF:Salvador/BA

Cara, aí que tá, na questão de falta de conforto ainda não encontrei. Estou esperando alguém para fazer uma viagem comigo para ir dirigindo e eu ir atrás para saber como ele é, pois nunca andei.
A posição de dirigir dele não é ruim, mas comparado ao fit que andei, fica bem inferior, mas acho superior ao Up, pois no Up minha. Cabeça quase bate no teto e minha visão fica restrita pois enxergo um pouco do teto.
Agora questão de espaço interno eu te garanto que no seguimentos dele, nenhum bateu ele. Além de espaçoso ele não tem o túnel no meio.

Penso em trocar em um corolla, jetta, civic, fit ou lancer, porém estou com receio de descer de ano.

Agora a única coisa que pesa pra mim no Etios é o porta malas muito pequeno.

O seguro do meu pago 1560,00 com cobertura total e franquia reduzida. Tenho 26 anos.

Cara esse novo Etios é bem melhor que o meu, a direção muito precisa, suspensão super acertada, computador de bordo, isofix e a melhora do motor com o consumo, com o vvti e a 6 marcha.
Se eu não pegar um semi novo, logo pego um novo Etios.
Pos venda da toyota é excelente e as revisões barata.
Mas comparando com motor, ele não consegue acompanha o Up não.

Dica: anda no Etios, foi o que fez eu optar por ele. Haha

 

Brucerodo,

 

Na primeira mensagem, você disse que gostaria de mudar para um carro mais confortável. Justamente por isso, questionei o que lhe desagradava no atual. Apesar de nunca ter dirigido o Etios, há uns três meses estive numa universidade com um colega para ministrar um pequeno curso, a professora que nos recebeu tinha um Etios Hatch. Do hotel ao campus, distava 25 quilômetros - numa rodovia estadual. Eu fiquei sempre no banco traseiro, pois o colega era maior. Particularmente gostei. Sem aperto, suspensão macia, baixo ruído e aparentemente não faltava força ao motor. A única coisa que estranhei foi a posição dos instrumentos no centro do painel.

 

Se este carro já lhe atende bem, meu caro, porque trocar? Cada cabeça, um mundo. Eu particularmente, manteria o Etios. Como você disse a desvalorização é pequena... Partir para um novo, incluirá seguro mais alto, emplacamento, IPVA mais alto e se for parcelar a diferença, juros mais altos por conta da SELIC em 14,5% a.a. É uma brincadeira que torna-se muito dispendiosa. Já um usado os custos podem ser tanto maiores ou menores.

 

De todo modo, espero que faça a melhor escolha.


  • 0

#24
brunetao

brunetao

    membro

  • Membro
  • 277 posts
  • Cadastrado: 13/09/2007
  • Cidade/UF:Aracaju-SE
Pega um Etios ou Fit, para "durar" 10 anos só um japonês. Esqueça VW, não tem mais a mesma resistência e as revisões são muito caras.

  • 0

#25
Brucerodo

Brucerodo

    membro

  • Membro
  • 472 posts
  • Cadastrado: 19/01/2012
  • Cidade/UF:Alfenas/ MG

Brucerodo,

 

Na primeira mensagem, você disse que gostaria de mudar para um carro mais confortável. Justamente por isso, questionei o que lhe desagradava no atual. Apesar de nunca ter dirigido o Etios, há uns três meses estive numa universidade com um colega para ministrar um pequeno curso, a professora que nos recebeu tinha um Etios Hatch. Do hotel ao campus, distava 25 quilômetros - numa rodovia estadual. Eu fiquei sempre no banco traseiro, pois o colega era maior. Particularmente gostei. Sem aperto, suspensão macia, baixo ruído e aparentemente não faltava força ao motor. A única coisa que estranhei foi a posição dos instrumentos no centro do painel.

 

Se este carro já lhe atende bem, meu caro, porque trocar? Cada cabeça, um mundo. Eu particularmente, manteria o Etios. Como você disse a desvalorização é pequena... Partir para um novo, incluirá seguro mais alto, emplacamento, IPVA mais alto e se for parcelar a diferença, juros mais altos por conta da SELIC em 14,5% a.a. É uma brincadeira que torna-se muito dispendiosa. Já um usado os custos podem ser tanto maiores ou menores.

 

De todo modo, espero que faça a melhor escolha.

Então cara, do etios quanto ao painel foi fácil de acostumar. Mas foi o que falei no outro tópico, foi só andar no honda fit que vi que a posição de dirigir dele me agrada mais. A do etios não é ruim, mas a do fit para mim é a melhor. Isso esta sendo o fator para realizar a troca. haha

O meu etios, não tem computador de bordo e outras coisas que o atual tem. Ai estou na dúvida em qual trocar... Fui na toyota agora cedo, e vi para pagar tabela no meu, mas ai na troca o valor do etios sobe 3 mil, no qual esse valor se aproxima dos carros que citei no outro tópico, por isso a dúvida. haha


  • 0





Soundigital Amplificadores

Smartfix