Jump to content

AutoForum.com.br - Som automotivo e automóveis  - O fórum dos maníacos por som automotivo e automóveis
- Proibido conteúdo impróprio para menores em tópicos públicos: Nudez estrategicamente coberta; Roupas transparentes; Poses obscenas ou provocantes; Close-ups de seios, nádegas ou virilhas; (em cumprimento a normas do Google) Qualquer desvio, denuncie ao moderador.
- Usuários do Hotmail/Outlook/Msn - confira tutorial para receber emails do fórum;
- Qualquer problema em algum post, DENUNCIE ao moderador, utilize o link abaixo de cada post.
- Confira tutorial para enviar fotos. Tão fácil quanto um CTRL+V. 
- Campeonato SQ Excperience - Garagem 55 - Móoca - São Paulo/SP - domingo 26/Novembro/2023 *****

Sign in to follow this  
Viepper

Um adeus a um dos melhores motores de todos os tempos

Recommended Posts

Volkswagen Jetta com motor 1.4 TSI começa a ser produzido no Brasil

 

Sedã aposenta o motor 2.0 aspirado e ganha turbo em toda a linha.

A Volkswagen ainda não divulgou preços da novidade.

 

vw_jetta_14.jpg

 

 

 

 

 

 

ADEUS MOTOR AP :( :(

 

Hoje foi um dia muito triste para os entusiastas de carros e motores, principalmente os amantes de preparação. Foi decretada o fim da produção do melhor motor do Brasil, o motor AP.

 

Essa lenda que conquistou o Brasil inteiro pela sua robustez, potência e simplicidade. O motor mais vendido e o mais preparado do país, deixou muita gente feliz e com certeza abrirá muitos sorrisos de futuros APzeiros.

 

Com minhas sinceras e VERDADEIRAS palavras, deixo aqui o meu adeus a esse tão querido motor, essa lenda, esse mito que sempre estará vivo em nossos corações.

 

motor-ww-ap-18-a-gasolina-carburado-original-14108-MLB20083513342_042014-F.jpg

 

 

 

 

 

 

 

 

20141229145508158605i.jpg

 

 

 

 

 

 

evora.jpg

 

 

 

 

before8.jpg

 

 

 

 

 

Motor-1.6-flex-saveiro.jpg

 

E o último deles:

jogo-de-juntas-motor-vw-jetta-20-8v-flex-120cv-2010-2014-22057-MLB20223062037_012015-F.jpg

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Vai tarde. É tão o melhor de todos os tempos que os modelos com AP que a VW ainda insistia em manter no mercado bebiam mais e andavam menos que os motores mais modernos. Tirou de linha porque ninguém queria mais esses motores.

 

Ele é apenas um motor barato de mexer. Há muito mercado de preparação para eles, e nada mais. Aqui a gente cultua o AP, na argentina eles cultuam os Sevel, no Japão eles cultuam o 2JZ.

Edited by Kleberlpa

Share this post


Link to post
Share on other sites

Finalmente!

 

Mas poney, tu mesmo me disse que não era mais chamado AP esses motores... Acho que muda só o cabeçote, por isso as siglas diferentes, mas o bloco é igual, mesma coisa com o polo como achava. Biela, pistão.... Tudo igual.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Vai tarde. É tão o melhor de todos os tempos que os modelos com AP que a VW ainda insistia em manter no mercado bebiam mais e andavam menos que os motores mais modernos. Tirou de linha porque ninguém queria mais esses motores.

 

Ele é apenas um motor barato de mexer. Há muito mercado de preparação para eles, e nada mais. Aqui a gente cultua o AP, na argentina eles cultuam os Sevel, no Japão eles cultuam o 2JZ.

Klebão, tu quer o que também? É um motor de projeto da década de 70, "plataforma" antiga, até pouco tempo era fabricado com cabeçote unilateral e disposição longitudial (parati, até 2012). É lógico que teria uma eficiência baixa comparado aos atuais motores multiválvulas, turbos, injeção direta, etc...

 

De fato suas maiores qualidades é a facilidade de preparação e baixo custo. Mas olhando por um lado do que esse motor representou, foi o primeiro a ter injeção eletrônica no Brasil (apesar de ser uma injeção mais "analógica"), o primeiro a ter a tecnologia flex, equipou dezenas de modelos, não só VW como Ford também.

 

Suas características únicas nunca vão ser esquecidas, aquele que você abria o capô e tava lá, paralelo ao carro, inclinadinho, que tremia todo a cada subida de giro, o bom torque nas baixas rotações, e áspero nas altas.

 

Hoje pode ser um motor bem ultrapassado, mas em sua época, era sem duvidas o melhor motor nacional que tínhamos (melhor que o monzatech, sem dúvidas).

Share this post


Link to post
Share on other sites

Finalmente!

 

Mas poney, tu mesmo me disse que não era mais chamado AP esses motores... Acho que muda só o cabeçote, por isso as siglas diferentes, mas o bloco é igual, mesma coisa com o polo como achava. Biela, pistão.... Tudo igual.

Eu confundi mesmo, por causa do 1.6, EA111 (que esse sim, é outro motor). O EA113 é o mesmo bloco, pistão, biela do EA827 (AP), muda só o cabeçote mesmo.

 

Perdão pela confusão.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Klebão, tu quer o que também? É um motor de projeto da década de 70, "plataforma" antiga, até pouco tempo era fabricado com cabeçote unilateral e disposição longitudial (parati, até 2012). É lógico que teria uma eficiência baixa comparado aos atuais motores multiválvulas, turbos, injeção direta, etc...

 

De fato suas maiores qualidades é a facilidade de preparação e baixo custo. Mas olhando por um lado do que esse motor representou, foi o primeiro a ter injeção eletrônica no Brasil (apesar de ser uma injeção mais "analógica"), o primeiro a ter a tecnologia flex, equipou dezenas de modelos, não só VW como Ford também.

 

Suas características únicas nunca vão ser esquecidas, aquele que você abria o capô e tava lá, paralelo ao carro, inclinadinho, que tremia todo a cada subida de giro, o bom torque nas baixas rotações, e áspero nas altas.

 

Hoje pode ser um motor bem ultrapassado, mas em sua época, era sem duvidas o melhor motor nacional que tínhamos (melhor que o monzatech, sem dúvidas).

 

Concordo 100% em gênero, nº e grau.

 

O fato dele estar defasado hoje, não tira de forma alguma seus méritos e também dias de glória (foram muitos).

 

Ótimo tópico e bacana a homenagem :legal:

Share this post


Link to post
Share on other sites

Motor robusto, gostoso de dirigir, pelo torque em baixa, a sensação da frente do Santanão subindo e "desapontando" era legal.

 

Já abri o capú e me deparei com o APzao da vovó rodando sem uma gota d'água no reservatório de expansão, não houve dano algum, fiquei assustado.

 

Ficou defasado, APzao, F1 e etc deveriam ter ido embora, ao máximo, no início dos anos 2000.. Vai embora tarde, mas deixa muita história.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Finalmente!

 

Mas poney, tu mesmo me disse que não era mais chamado AP esses motores... Acho que muda só o cabeçote, por isso as siglas diferentes, mas o bloco é igual, mesma coisa com o polo como achava. Biela, pistão.... Tudo igual.

 

O bloco tem medidas diferentes (o famoso bloco alto mexicano do Golf), muito embora seja bem comum a VW usar as mesmas medidas básicas em vários modelos de motor, desde o VR6 até o "AP de cinco cilindros", ou seja, pistão de 81mm (AP1800, VR6 2.8), por exemplo (e só o que lembro de cabeça agora). Fora isto alguns tem fluxo cruzado. Já alguns EA são totalmente diferentes do AP.

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

Klebão, tu quer o que também? É um motor de projeto da década de 70, "plataforma" antiga, até pouco tempo era fabricado com cabeçote unilateral e disposição longitudial (parati, até 2012). É lógico que teria uma eficiência baixa comparado aos atuais motores multiválvulas, turbos, injeção direta, etc...

 

De fato suas maiores qualidades é a facilidade de preparação e baixo custo. Mas olhando por um lado do que esse motor representou, foi o primeiro a ter injeção eletrônica no Brasil (apesar de ser uma injeção mais "analógica"), o primeiro a ter a tecnologia flex, equipou dezenas de modelos, não só VW como Ford também.

 

Suas características únicas nunca vão ser esquecidas, aquele que você abria o capô e tava lá, paralelo ao carro, inclinadinho, que tremia todo a cada subida de giro, o bom torque nas baixas rotações, e áspero nas altas.

 

Hoje pode ser um motor bem ultrapassado, mas em sua época, era sem duvidas o melhor motor nacional que tínhamos (melhor que o monzatech, sem dúvidas).

 

Melhor que o monzatech não... mas era BEM melhor que CHT, sem dúvida.

 

É um motor que tem história, bom barato de preparar, tem muita peça... mas é um motor ultrapassado apenas, finalmente a VW desistiu dele.

 

Pra quem gosta dos modelos antigos que o usavam nada muda.

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

 

 

Concordo 100% em gênero, nº e grau.

 

O fato dele estar defasado hoje, não tira de forma alguma seus méritos e também dias de glória (foram muitos).

 

Ótimo tópico e bacana a homenagem :legal:

 

Exatamente.

 

Me senti nesse dever por ter um boa relação com esse motor, aprendi a dirigir em um e pretendo ter um algum dia.

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

 

Motor robusto, gostoso de dirigir, pelo torque em baixa, a sensação da frente do Santanão subindo e "desapontando" era legal.

 

Já abri o capú e me deparei com o APzao da vovó rodando sem uma gota d'água no reservatório de expansão, não houve dano algum, fiquei assustado.

 

Ficou defasado, APzao, F1 e etc deveriam ter ido embora, ao máximo, no início dos anos 2000.. Vai embora tarde, mas deixa muita história.

Quem nunca teve alguma história, relação ou contato com um AP? Haha

 

Andar sem água, é um belo exemplo de como esse motor tem boa resistência.

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

 

 

O bloco tem medidas diferentes (o famoso bloco alto mexicano do Golf), muito embora seja bem comum a VW usar as mesmas medidas básicas em vários modelos de motor, desde o VR6 até o "AP de cinco cilindros", ou seja, pistão de 81mm (AP1800, VR6 2.8), por exemplo (e só o que lembro de cabeça agora). Fora isto alguns tem fluxo cruzado. Já alguns EA são totalmente diferentes do AP.

Se eu não estou enganado, esse AP do Jetta era o bloco baixo ainda, por incrível que pareça.

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

 

 

Melhor que o monzatech não... mas era BEM melhor que CHT, sem dúvida.

 

É um motor que tem história, bom barato de preparar, tem muita peça... mas é um motor ultrapassado apenas, finalmente a VW desistiu dele.

 

Pra quem gosta dos modelos antigos que o usavam nada muda.

Questão de desempenho em testes de época, os APs se saíam melhor que os monzatech na maioria (apesar que tem a questão do peso/pot. tbm)

 

E os F1 bebem tanto quanto o AP.

 

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

O Voyage G1 1982 tinha motor 1.5.

 

Esse motor já era considerado AP ?

 

141220121250594539.jpg

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

Questão de desempenho em testes de época, os APs se saíam melhor que os monzatech na maioria (apesar que tem a questão do peso/pot. tbm)

 

E os F1 bebem tanto quanto o AP.

 

Acho que se deve mais às decisões da GM, pois em geral ela sempre valorizou o torque em baixa e os câmbios longos. São da época que carro tinha que sair de quebra mola de terceira (sim, isto já foi parâmetro no BR) sem peidar. Fora que os GMs em geral eram mais pesados que a linha BX.

 

Já tive F2 1.8, o famoso quadradinho (que eu gostava mais que o 2.0, inclusive), e só tomava arrocho dos GTS. AP 1.8 stock andava realmente parelho, e se já estivesse cansadinho levava sabugo.

 

No geral os GMs bebem mais que os VW.

 

O Voyage G1 1982 tinha motor 1.5.

 

Esse motor já era considerado AP ?

 

141220121250594539.jpg

 

Acho que era o MD270, que na realidade não é exatamente o AP. É o "pai" do AP, pois o AP foi lançado mais à frente (acho que em 85) pela VW, embora seja quase a mesma coisa. Mudam o tamanho das bielas, que são maiores no AP.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Eu confundi mesmo, por causa do 1.6, EA111 (que esse sim, é outro motor). O EA113 é o mesmo bloco, pistão, biela do EA827 (AP), muda só o cabeçote mesmo.

 

Perdão pela confusão.

 

Tranquilo, acontece, eu cheguei a fazer uma pesquisa rápida por causa dessa questão, e pelo que vi o bloco era o mesmo dos gol gti box, mudando as siglas por causa dos cabeçotes mais modernos.

 

E claro, teve a mudança das bielas pra melhorar a R/L, que não sei bem quando foi, que no golf era diferente e tal...

 

Acho que era o MD270, que na realidade não é exatamente o AP. É o "pai" do AP, pois o AP foi lançado mais à frente (acho que em 85) pela VW, embora seja quase a mesma coisa. Mudam o tamanho das bielas, que são maiores no AP.

 

O motor AP foi lançado nos anos 70.

 

Depois com o tempo que mudaram as bielas para melhorar a R/L, primeiro veio no golf eu acho, o tal do bloco longo (algo assim).

Share this post


Link to post
Share on other sites

Apesar de mudar cabeçote, algumas tecnologias e nomeclaturas, esses motores novos pode se dizer que são derivados do AP. Geralmente tem curso, altura da biela e diâmetro iguais. Algumas peças são ate intercambiaveis. Inclusive são bloco baixo, o alto foi usado em alguns motores e depois parou, se não me engano.

Pode se dizer que é um motor fácil de mexer e encontrar peças, barato só o kit básico mesmo, nem sempre é barato quando se quer algo mais forte.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Apzao é o bixo.

 

Andei uns 25Min dando pau na minha antiga saveiro (5mil~6milRpm), com a mangueira do radiador estourada. (eu nao sabia pois o sensor de temperatura tava bixado

 

 

quando parei senti o capo muito quente, foi quando vi que tava fervendo.

 

 

Resumindo, Nada aconteceu... :legal:

Share this post


Link to post
Share on other sites

O motor AP foi lançado nos anos 70.

 

Depois com o tempo que mudaram as bielas para melhorar a R/L, primeiro veio no golf eu acho, o tal do bloco longo (algo assim).

 

O audi 827 sim, foi lançado lá fora em 1972. O MD270 é anterior a ele. No BR veio primeiro o BS (1.6) e o BR (1.5) no Passat, na década de 70, depois o MD270 Motor Torque), depois o AP (Alta Performance) na década de 80 (que é o 827).

 

Do BS pro MD270, pro AP e depois pro bloco do Golf, de fluxo cruzado. Um é evolução do outro, mas apenas um deles é formalmente o AP.

Share this post


Link to post
Share on other sites

O audi 827 sim, foi lançado lá fora em 1972. O MD270 é anterior a ele. No BR veio primeiro o BS (1.6) e o BR (1.5) no Passat, na década de 70, depois o MD270 Motor Torque), depois o AP (Alta Performance) na década de 80 (que é o 827).

 

Do BS pro MD270, pro AP e depois pro bloco do Golf, de fluxo cruzado. Um é evolução do outro, mas apenas um deles é formalmente o AP.

 

É que na wikipedia BR ( :vts ) não fala do K70, que é lá dos anos 70, esse sim dá pra chamar de pai do AP.

 

No BR foi mais tarde mesmo, como sempre, aqui tudo 10~15 anos atrasado. Por isso o AP mesmo veio só pelo final dos anos 80.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Apzao é o bixo.

 

Andei uns 25Min dando pau na minha antiga saveiro (5mil~6milRpm),

 

TB fiz... 2x... Andei um minuto e o motor fundiu. Na segunda vez quebrou os anéis de 2 pistões.

 

AP é o bicho... FDP !!!!

 

:vts

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

É que na wikipedia BR ( :vts ) não fala do K70, que é lá dos anos 70, esse sim dá pra chamar de pai do AP.

 

Caba bom é assim mesmo... ao invés de ler a Wikipedia BR sobre AP ele lê wikipedia EN sobre o Audi 827. ( :vts )

Share this post


Link to post
Share on other sites

Pampa AP 1.8 do meu pai, tem qse 700 mil km rodados, e nunca deu defeito no motor, e olha que sempre adicionávamos óleo, raro era troca de óleo kkk, ah, e já pegou fogo 2 vezes no cofre kkkkk

HbhIhAO.jpg

Edited by oitim

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now
Sign in to follow this  

AutoForum.com.br

O fórum para os maniacos por som automotivo e automóveis

×
×
  • Create New...