Jump to content

AutoForum.com.br - Som automotivo e automóveis  - O fórum dos maníacos por som automotivo e automóveis
- Proibido conteúdo impróprio para menores em tópicos públicos: Nudez estrategicamente coberta; Roupas transparentes; Poses obscenas ou provocantes; Close-ups de seios, nádegas ou virilhas; (em cumprimento a normas do Google) Qualquer desvio, denuncie ao moderador.
- Usuários do Hotmail/Outlook/Msn - confira tutorial para receber emails do fórum;
- Qualquer problema em algum post, DENUNCIE ao moderador, utilize o link abaixo de cada post.
- Confira tutorial para enviar fotos. Tão fácil quanto um CTRL+V. 
- Encontro Som de Qualidade em São Paulo/SP domingo  29/Maio/2022 *****

Sign in to follow this  
RobôAutoforum

[4r]Pequenos notáveis: museu de minicarros clássicos é atração no RS

Recommended Posts

No Rio Grande do Sul, as cidades da chamada Serra Gaúcha são famosas pelas diversas atrações turísticas. Na industrializada Caxias do Sul, existe a Festa da Uva, que se realiza a cada dois anos, geralmente no início do ano.

Assine a Quatro Rodas a partir de R$ 9,90

Na estância de Gramado, todos os anos acontece o Natal Luz, que atrai crianças e adultos de todo o Brasil dispostos a celebrar as festas de final de ano como era antigamente.

O que pouca gente sabe é que na cidade de Bento Gonçalves está localizado um museu de automóveis de nível internacional que, além de guardar raridades como fazem outros museus do mundo, é especializado em um tipo específico de veículos, os denominados minicarros.

IMG_0238.jpgMais um Messerschmitt, uma moto BMW e diferentes versões da Isetta, incluindo uma réplica em miniaturaDivulgação/Quatro Rodas

Segundo seu idealizador, o empresário César Cini, o Cini Microcars Collection é “o maior museu da América Latina com as menores maravilhas do mundo”. César conta que seu acervo exibe 40 modelos garimpados durante 20 anos pelos quatro cantos da Terra, por ele mesmo na companhia de sua esposa, Catia Giacomello, falecida em 2018.

“Os requisitos para estar no museu são simples, basta ser compacto, simples e ter um design funcional à frente do seu tempo”, diz o empresário. Dessa forma, cada solução de design ou engenharia, desde os anos 1930 até a década de 1990, é uma pequena viagem no tempo.

Eles são pequenos por fora, mas imensos de histórias e boas lembranças.

IMG_4436.jpgModelos ingleses, alemães e italianos de diferentes épocas expostos no mesmo ambiente do museuDivulgação/Quatro Rodas

“Lembro quando eu morava na Itália e via aqueles pequeninos Cinquecento transportando famílias inteiras pelas ruas tão estreitas que mal cabiam um carro normal”, conta o colecionador. “Naquele momento, eu não queria só conhecer a história dos carros, mas também fazer parte dela”, relembra.

Continua após a publicidade

No museu, que tem mais de 600 metros quadrados de área, estão expostas raridades como o Austin Seven 1931, primeiro modelo produzido pela BMW na Alemanha.

Entre os carros italianos que tocaram o coração de César quando menino e foram os responsáveis pela popularização do automóvel naquele país estão o Fiat Topolino, um dos menores e mais baratos carros fabricados pela montadora italiana entre 1936 e 1955, e o chamado “carro do povo” o Fiat Cinquecento.

b69648e4-6971-43d8-a50d-c028307c446c.jpgCésar, encostado no ZündappDivulgação/Quatro Rodas

No Cini Microcars Collection também está exposto o Fiat Multipla, uma simpática van de seis lugares com uma carroceria de apenas 3,20 metros de comprimento por 1,38 m de largura que ficou conhecida como o carro mais feio do mundo (assim como sua reedição de 1998).

E alguns exemplares do Isetta, um minicarro pós-Segunda Guerra que, embora seja um projeto italiano, teve exemplares construídos em diversos países como Alemanha, Bélgica, Espanha, França, Inglaterra e até no Brasil, a famosa Romi-Isetta.

Entre os alemães, o destaque é o Messerschmitt KR200, modelo que foi produzido entre 1950 e 1960, capota em forma de bolha como nos aviões, motor de dois tempos e manche no lugar do volante.

IMG_2500.jpgFilhas do dono do museu brincam em miniaturas e aprendem mais sobre a história da indústria automotivaDivulgação/Quatro Rodas

Há ainda um exemplar do lendário modelo inglês Mini Cooper ano 2000, um dos últimos da primeira geração, que durou de 1959 até 2000 (a segunda só veio depois de a BMW assumir a marca); um Zündapp Janus, veículo desenvolvido pela fabricante de motocicletas alemã Zündapp, representado no filme Carros 2 pelo vilão Professor Z, Zündapp, com a peculiar simetria entre as portas dianteira e traseira e um Scootacar Mark I, um carro de três rodas com chassi de aço e carroceria toda em fiberglass fabricado pela Hunslet Engine Company, de Leeds, Inglaterra, uma empresa especializada em locomotivas e que, segundo a lenda, foi construído para a esposa de um dos donos da companhia, que tinha dificuldades para estacionar o seu enorme Jaguar.

Compartilhe essa matéria via:

“São verdadeiros testemunhos de época, muitos ainda estavam em uso pelos seus proprietários e foram mantidos no estado em que se encontravam quando comprados”, revela César, que faz questão de dividir essas histórias com o público que visita o museu.

O espaço é aberto ao público e funciona de quinta a domingo, das 10 às 18 horas. O endereço é Rodovia ERS 444, km 19,2 , Vale dos Vinhedos, em Bento Gonçalves (RS). Para mais informações, acesse: www.cinimicrocars.com.br.

Continua após a publicidade

The post Pequenos notáveis: museu de minicarros clássicos é atração no RS appeared first on Quatro Rodas.

View the full article

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now
Sign in to follow this  

AutoForum.com.br

O fórum para os maniacos por som automotivo e automóveis

×
×
  • Create New...