Jump to content

AutoForum.com.br - Som automotivo e automóveis  - O fórum dos maníacos por som automotivo e automóveis
- Proibido conteúdo impróprio para menores em tópicos públicos: Nudez estrategicamente coberta; Roupas transparentes; Poses obscenas ou provocantes; Close-ups de seios, nádegas ou virilhas; (em cumprimento a normas do Google) Qualquer desvio, denuncie ao moderador.
- Usuários do Hotmail/Outlook/Msn - confira tutorial para receber emails do fórum;
- Qualquer problema em algum post, DENUNCIE ao moderador, utilize o link abaixo de cada post.
- Confira tutorial para enviar fotos. Tão fácil quanto um CTRL+V. (17/09/2015)
- Encontro Som de Qualidade em São Paulo/SP domingo  21/Novembro/2021 *****

Sign in to follow this  
RobôAutoforum

[4r]Impressões: Chevrolet S10 Z71 é básica, mas com roupa de grife

Recommended Posts

Quase como uma resposta às rivais Ford Ranger Storm e Nissan Frontier Attack, a Chevrolet S10 ganha, pela primeira vez, a cultuada sigla Z71, que já abrange as picapes da marca nos Estados Unidos com uma mistura de esportividade e apelo aventureiro.

Black Friday! Assine a Quatro Rodas a partir de R$ 6,90

É preciso dizer que a S10 Z71 não é apenas uma série especial, mas sim uma nova versão regular, que fica entre as já existentes LT e LTZ. Assim, ela custa R$ 260.490 – acima dos R$ 241.790 da Ranger Storm e dos R$ 241.690 da Frontier Attack.

Chevrolet-S10-Z71-1.jpgChevrolet S10 Z71Divulgação/Chevrolet

Assim como nas irmãs Colorado e Silverado, a S10 Z71 tem várias alterações visuais que, em conjunto, garantem ares de exclusividade. Entre elas estão os adesivos com desenhos geométricos e uma faixa vermelha que se estendem nas laterais até a tampa traseira, além de apliques plásticos nos para-lamas, estribos laterais integrados com a carroceria e um santantônio tubular exclusivo.

Os cromados dão lugar ao preto, presente nos logotipos, nos retrovisores e nos para-choques. Por falar em para-choques, o dianteiro vem da versão topo de linha High Country, com o nome da marca estampado em letras garrafais ao centro. Já a gravatinha dourada da Chevrolet, posicionada no canto inferior direito, dá lugar ao logo Z71.

FGD_6083a-e1637854749685.jpgChevrolet S10 Z71Divulgação/Chevrolet

Também da High Country a novata pega as rodas de 18 polegadas, mas que, por aqui, chegam pintadas de preto com acabamento fosco. Os faróis e as lanternas também têm máscara negra, finalizando o visual dark, que dá uma aparência mais esportiva. Na traseira, um acessório bem incomum em picapes, mas que faz parte da S10 Z71, é a dupla ponteira de escape.

Enquanto o exterior usa elementos próprios e da versão mais cara, o interior denuncia seu posicionamento intermediário. O painel é simples, sem nenhum apelo emocional que repita a feição ousada da parte de fora. A única menção à versão está em apliques nas portas dianteiras.

Chevrolet-S10-Z71-23-1-e1637854772635.jpgChevrolet S10 Z71Divulgação/Chevrolet

Reforçando a simplicidade, o ar-condicionado tem comandos analógicos, há botões vazios pela ausência de equipamentos e a multimídia é mais simples, com tela de 7 polegadas e conexão com Android Auto e Apple CarPlay apenas com o uso de cabos.

Comum a todas as outras, estão o painel composto por plástico rígido e um aplique central de material emborrachado, o quadro de instrumentos com uma pequena e monocromática tela central e o grande (e antiquado) volante. Para tentar disfarçar, os bancos e o volante são revestidos de material que imita couro (que também ajuda na limpeza), e há apliques prateados nas saídas de ar e no volante, e em preto brilhante próximo ao câmbio e nas portas.

Continua após a publicidade
Chevrolet-S10-Z71-10-e1637854801644.jpgChevrolet S10 Z71Divulgação/Chevrolet

A lista de equipamentos inclui assistente de descida em aclives, piloto automático, ajuste elétrico dos faróis, seis airbags, sensores de estacionamento traseiros, câmera de ré e luz diurna de led. Frenagem automática, sensores de chuva e de luz, e assistente de saída de faixa não estão no pacote.

Até aqui, a S10 Z71 repete o apelo visual e o posicionamento da sigla no mercado americano. Porém, ela perde o brilho ao não ter nenhuma alteração mecânica, enquanto as irmãs gringas trazem ao menos ajustes próprios de suspensão.

Chevrolet-S10-Z71-15-e1637854837261.jpgChevrolet S10 Z71Divulgação/Chevrolet

Para não dizer que não há nenhuma mudança, os pneus All-Terrain são exclusivos. De acordo com a Chevrolet, eles têm ombros mais espessos e laterais reforçadas. Tudo para otimizar a aderência e durabilidade na terra. Com um percurso leve de off-road durante o lançamento do modelo, não foi possível atestar as diferenças na prática – mas deu para notar maior aspereza em asfalto a baixas velocidades.

Assim, a S10 Z71 mantém praticamente intocada a dirigibilidade já conhecida da S10. A picape da Chevrolet tem boa configuração de suspensão. Na terra, a S10 cumpre muito bem sua proposta, superando buracos, valetas e pedras sem prejuízos.

0182_S10_Z71-e1637854949435.jpgChevrolet S10 Z71Divulgação/Chevrolet

No asfalto, a pegada de picape raiz, que não tenta se passar por um automóvel, tem suas desvantagens. Apesar de vencer os obstáculos dos grandes centros sem aspereza, a S10 mantém o comportamento típico de pular e chacoalhar bastante. Além disso, é bom ter cuidado nas curvas.

O desempenho também é uma virtude da Z71, equipada com o conjunto mecânico da High Country, ou seja, um motor 2.8 turbodiesel de 200 cv de potência e 51 kgfm de torque. A potência é a mesma da Ranger Storm e maior do que na Frontier Attack, com 190 cv. O torque da Chevrolet também é imbatível – a Ford tem 47,9 kgfm, contra 45,9 da Nissan.

FGD_5933a-e1637855004501.jpgChevrolet S10 Z71Divulgação/Chevrolet

O câmbio automático de seis marchas tem bom escalonamento e ajuda nas saídas e retomadas rápidas da S10. Além disso, a tração 4×4 vem com acionamento eletrônico e opção de reduzida. Segundo a Chevrolet, a Z71 acelera de 0 a 100 km/h em 10,1 segundos e alcança as médias de consumo de 8,3 km/l na cidade e 10,6 km/l na estrada. Porém, ainda não pudemos levar a picape para a pista.

A Z71 guarda defeitos e qualidades da S10, com uma roupagem que foge do óbvio. Porém, pode frustrar expectativas pela mecânica intocada e pelo nível de equipamentos.

Veredicto

A Z71 mantém a boa forma da S10 em desempenho, comportamento na terra e espaço, mas o visual exclusivo cobra caro diante da concorrência.

Ficha técnica – S10 Z71

  • Motor: diesel, 4 cilindros, dianteiro, longitudinal, 16V, turbo, 2.776 cm3, 200 cv a 3.400 rpm, 51 kgfm a 2.000 rpm
  • Câmbio: aut., 6 m., tração 4×4
  • Direção: elétrica
  • Freios: disco ventilado (diant.) e tambor (tras.)
  • Suspensão: independente com braços articulados (diant.) e eixo rígido (tras.)
  • Pneus: 265/60 R18
  • Dimensões: comprimento, 536,1 cm; largura, 187,4 cm; altura, 183,1 cm; entre–eixos, 309,6 cm; peso, 2.042 kg; caçamba, 1.061 l; capacidade de carga, 1.108 kg; tanque, 76 l
  • Desempenho (dados do fabricante): 0 a 100 km/h, 10,1 s; velocidade máxima, n/d 

Não pode ir à banca comprar, mas não quer perder os conteúdos exclusivos da Quatro Rodas? Clique aqui e tenha o acesso digital.

CAPA 751 quatro rodas

Continua após a publicidade

The post Impressões: Chevrolet S10 Z71 é básica, mas com roupa de grife appeared first on Quatro Rodas.

View the full article

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now
Sign in to follow this  

AutoForum.com.br

O fórum para os maniacos por som automotivo e automóveis

×
×
  • Create New...