Jump to content

AutoForum.com.br - Som automotivo e automóveis  - O fórum dos maníacos por som automotivo e automóveis
- Proibido conteúdo impróprio para menores em tópicos públicos: Nudez estrategicamente coberta; Roupas transparentes; Poses obscenas ou provocantes; Close-ups de seios, nádegas ou virilhas; (em cumprimento a normas do Google) Qualquer desvio, denuncie ao moderador.
- Usuários do Hotmail/Outlook/Msn - confira tutorial para receber emails do fórum;
- Qualquer problema em algum post, DENUNCIE ao moderador, utilize o link abaixo de cada post.
- Confira tutorial para enviar fotos. Tão fácil quanto um CTRL+V. (17/09/2015)
- Encontro Sound Quality em São Paulo/SP domingo (27/10/2019) *****

Sign in to follow this  
orakulo

Instalação, qual o valor justo?

Recommended Posts

Não faz sentido comparar bens de consumo com serviço.

 

No caso da calça jeans há uma série de fatores que vão desde design, passando por materias, percepção da marca e de preço.

 

Em uma instalação como a minha não há design e não há percepção pelo serviço (há pelo equipamento), é básica, nem o amplificador ficará a mostra. É diferente de um projeto em que o dono do carro quer assoiciar o visual ao equipamento Nesse caso há fibra, acrilico, madeira, luz e etc...

 

Faz todo sentido do mundo, e sim é passível de comparação.

 

Produtos e serviços fazem parte das relações consumeristas e estas são regidas pela 8078/90.

 

O que coloquei em pauta foi o fato de mostrar que JUSTO não existe nas livres relações comerciais.

 

Quando você levou o carro até a loja, você dependia do serviço para poder seguir viagem ou estava em uma situação onde o profissional ficou com vocÊ nas mãos dele ? Tipo cobrar R$ 4.000,00 pra trocar uma correia poly-v que na concessionária seria R$ 1.000,00 .

 

No caso acima existe o justo e o injusto , afinal ele saberia que você pagaria qualquer valor pra seguir viagem e sair dali.

 

Mas quando você simplesmente pode virar as costas e ir embora, pois não depende daquele serviço, é só questão de o valor ser adequado ou não a suas expectativas.

 

A gente não mensura o valor do trabalho pelo tempo de execução , vide um médico que te salva de um infarto, vai levar pouco tempo......um advogado ? Vai só montar a peça , vai entrar e sair da audiência....rapidinho ! rsrs

 

Amigo, só pelo amor ao debate, não é treta, só estou expondo meu ponto de vista sobre a correta colocação do JUSTO, INJUSTO, ADEQUADO, INADEQUADO.

 

Abraço !

Share this post


Link to post
Share on other sites

Não faz sentido comparar bens de consumo com serviço.

 

No caso da calça jeans há uma série de fatores que vão desde design, passando por materias, percepção da marca e de preço.

 

Em uma instalação como a minha não há design e não há percepção pelo serviço (há pelo equipamento), é básica, nem o amplificador ficará a mostra. É diferente de um projeto em que o dono do carro quer assoiciar o visual ao equipamento Nesse caso há fibra, acrilico, madeira, luz e etc...

 

Mas tudo depende de como a loja ou instalador irá fazer a sua instalação por mais simples que o projeto seja. Cada um tem a sua metodologia de trabalho.

Por mais simples que seja, eu desmonto o carro inteiro para passagem de cabos, prendo os cabos com cintas plásticas, todas as pontas estanhadas e com termoretrátil. Isso é um exemplo da minha metodologia e cada um trabalha da forma que lhe convém.

Para nós que trabalhamos muito com a mão de obra, já que a Internet está ai para todo mundo pesquisar preços e comprar equipamentos, não podemos baixar muito nossos preços.

Vejam quanto um bom pintor cobra o dia, ou um bom pedreiro ou seja lá qual for o ramo de atuação. Para ser um bom profissional, vc tem que buscar capacitação, ter experiencia, estar sempre atualizado e fora as cabeçadas que vc dá ao longo da sua profissão. Além do investimento com uma boa infraestrutura para execução do trabalho. Lógico que existem várias pessoas que tiram proveito disso.

Não estou sendo específico para ninguém aqui, ou para uma loja ou falando que o dono do post está certo ou errado.

Uma boa instalação e um bom set up pode tirar leite de pedra do sistema a ser executado.

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Mas tudo depende de como a loja ou instalador irá fazer a sua instalação por mais simples que o projeto seja. Cada um tem a sua metodologia de trabalho.

Por mais simples que seja, eu desmonto o carro inteiro para passagem de cabos, prendo os cabos com cintas plásticas, todas as pontas estanhadas e com termoretrátil. Isso é um exemplo da minha metodologia e cada um trabalha da forma que lhe convém.

Para nós que trabalhamos muito com a mão de obra, já que a Internet está ai para todo mundo pesquisar preços e comprar equipamentos, não podemos baixar muito nossos preços.

Vejam quanto um bom pintor cobra o dia, ou um bom pedreiro ou seja lá qual for o ramo de atuação. Para ser um bom profissional, vc tem que buscar capacitação, ter experiencia, estar sempre atualizado e fora as cabeçadas que vc dá ao longo da sua profissão. Além do investimento com uma boa infraestrutura para execução do trabalho. Lógico que existem várias pessoas que tiram proveito disso.

Não estou sendo específico para ninguém aqui, ou para uma loja ou falando que o dono do post está certo ou errado.

Uma boa instalação e um bom set up pode tirar leite de pedra do sistema a ser executado.

 

Não vou puxar sardinha pro lado de ninguém, mas o novato achou caro o custo do serviço e acha q serviço é tudo igual. Até o dia q ele ficar parado na rua e descobrir q o pessoal que cobrou mais barato pelo serviço danificou um chicote da injeção e não se responsabilizou por isso. Ou não. ou furou o tanque de combustível, ou quebrou as travas das portas, painel e etc e ficaram quietos. Ai depois se gasta mais consertando os defeitos q eles criaram do que se tivesse feito certo da primeira vez. não estou dizendo que seja o caso. Sempre lembro de um 307 aqui do sul q o cara largou numa loja pq era mais barato e os caras colocaram cabo 33mm onde se via e 6mm por baixo do carpete, ai o dono não sabia pq o amp não rendia. Lembro do A6 zero km de um jogador do grêmio q largou numa loja q era mais barata e os caras furaram o tanque pra fixar um amp e tentaram remendar com silicone. De um palio aqui do fórum que o dono largou no mais barato e o instalador furou a centralina da injeção eletrônica pra fixar um pezinho e depois não sabia pq o carro não pegava mais. Do caso da palio weekend q teve q desmontar toda ela pq o instalador mais barato fechou num curto na fiação original e derreteu toda fiação elétrica original do carro. Mas claro, esses são casos isolados q podem não acontecer com teu carro, pois é uma instalação simples.

 

 

Eu mesmo já fiz coluna pro tw no meu carro, depois paguei 300 numa loja pra fazer, depois paguei 250 em outra loja pra fazer e então paguei 450 numa terceira loja pra fazer. 450 foi caro? Sim, mas o serviço finalmente ficou perfeito e não terei mais retrabalho? Sim. Se eu tivesse gasto 450 direto na primeira vez eu teria economizado? Sim.

Edited by escortbala
  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Rick entendo seu ponto de vista, porém não concordo com parte dos argumentos.

 

O que concordo é, vivemos (por enquanto) em um regime capitalista no qual o mercado é regulamentado pela oferta e demanda. Cada um cobra o que quer e eu aceitou ou não as ofertas, isso é ótimo.

 

O que trouxe em pauta é como duas lojas de mesmo nível, podem ter preços tão distintos para absolutamente o mesmo trabalho? Aliás trabalho que você pode até ter referencias, mas só saberá o resultado após a execução. Então temos que partir do princípio que a execução será a mesma. Uma cobrou 2200 reais e a outra 890. Eu aceitei a de menor valor, pois achei o outro completamente sureal. Se diferença fosse de 200 ou 300 reais, o preço poderia não ser determinante. Apesar que se são as duas tem o mesmo nível de qualidifcação e serviços, nesse caso o valor seria determinante.

 

Desculpe se me expressei mal anteriormente e deu a impressão de ser briga, não é o caso. As discussões são sadias quando mantidas no nível que você vem mantendo.

 

Eu fiz a minha escolha, cada um na sua e vida que segue! :)

 

Abraço!

Edited by orakulo

Share this post


Link to post
Share on other sites

orakulo, que bom que não concorda fielmente, se não acabaria a graça da conversa :P

 

Entendo e aceito sua opção ao escolher a loja mais barata.

 

Nem estou entrando no mérito da qualidade de serviço , mas voltando somente ao ponto de que não existe justo ou injusto no caso , e sim somente adequado e inadequado em função do pretendia gastar .

 

Abraço ! :legal:

Share this post


Link to post
Share on other sites

Outro ponto que eu acho que tambem acaba variando no valor dos servicos e a localizacao. Normalmente em capitais, a concorrencia e maior, a busca por atualizacao idem e consequentemente o custo de vida e dos servicos tambem, isso vale pra tudo, pintor, loja de som, arquiteto, medico...

 

Nao estou excluindo os que estao fora da curva, mas a probabilidade e menor

Share this post


Link to post
Share on other sites

Rick entendo seu ponto de vista, porém não concordo com parte dos argumentos.

 

O que concordo é, vivemos (por enquanto) em um regime capitalista no qual o mercado é regulamentado pela oferta e demanda. Cada um cobra o que quer e eu aceitou ou não as ofertas, isso é ótimo.

 

O que trouxe em pauta é como duas lojas de mesmo nível, podem ter preços tão distintos para absolutamente o mesmo trabalho? Aliás trabalho que você pode até ter referencias, mas só saberá o resultado após a execução. Então temos que partir do princípio que a execução será a mesma. Uma cobrou 2200 reais e a outra 890. Eu aceitei a de menor valor, pois achei o outro completamente sureal. Se diferença fosse de 200 ou 300 reais, o preço poderia não ser determinante. Apesar que se são as duas tem o mesmo nível de qualidifcação e serviços, nesse caso o valor seria determinante.

 

Desculpe se me expressei mal anteriormente e deu a impressão de ser briga, não é o caso. As discussões são sadias quando mantidas no nível que você vem mantendo.

 

Eu fiz a minha escolha, cada um na sua e vida que segue! :)

 

Abraço!

 

Depois posta o resultado e as fotos.

 

abs

Share this post


Link to post
Share on other sites

Rick, só para entendermos seu ponto de vista.

 

Agora que já sabe as condições, pretensões do autor e os valores que foram cobrados para realizar a montagem.

Se por ventura precisasse fazer o mesmo projeto, levaria para a loja que cobrou mais caro?

 

 

 

orakulo, que bom que não concorda fielmente, se não acabaria a graça da conversa :P

 

Entendo e aceito sua opção ao escolher a loja mais barata.

 

Nem estou entrando no mérito da qualidade de serviço , mas voltando somente ao ponto de que não existe justo ou injusto no caso , e sim somente adequado e inadequado em função do pretendia gastar .

 

Abraço ! :legal:

Share this post


Link to post
Share on other sites

Qual a relevância da questão ?????

 

O ponto que estou colocando desde o início é o emprego errôneo dos termos JUSTO e INJUSTO. Eles não cabem aqui (já fui exaustivo nesse aspecto, basta ler outros posts acima)

 

O que cabe aqui é : ADEQUADO ou INADEQUADO ao orçamento e/ou expectativa do cliente.

 

Onde eu levaria ? Envolvem tantas variáveis na questão, tipo: minha experiência no assunto ser menor ou maior , meu poder aquisitivo ser menor ou maior , meu carro ser um fiat 147 ano 1977 ou um Bentley 2015, meu nível cultural ser menor , igual , maior etc etc etc etc etc

 

Sua questão é totalmente fora de contexto , e muito menos possível ainda te responder como se estivesse perguntando quanto é 2 + 2.

 

Mas pra não ser mal educado , te digo que não levaria a loja alguma , faria eu mesmo nos momentos livres (que são poucos ) assim como deixei um de meus carros parado por quase 2 meses na garagem de casa para tal.

 

Sem loja ! rsrsrs :)

Share this post


Link to post
Share on other sites

Só para encerrar a minha participação no tópico (por mim já poderia até ser fechado se o autor estiver de acordo)

 

Não existe ninguém certo ou errado aqui , nem você , nem eu, nem ninguém mesmo por levar o carro e contratar os serviços que lhe convém , se é no Zé das Couves ou no Steve Meade.

 

O que não existe é esse papo de JUSTO e INJUSTO.

 

O mercado é livre igualmente ao sistema de iniciativa :legal:

Share this post


Link to post
Share on other sites

Ignorância desnecessária na sua resposta!!

Mesmo assim, vou te explicar o motivo da minha pergunta.

Eu como um bom capitalista, defendo o capitalismo, onde as pessoas devem ser remuneradas de acordo com a complexidade do seu trabalho, mão de obra simples (independente do tempo que demorar pra ser feito o serviço), devem ser remuneradas como tal. Serviços mais técnicos e complexos devem ser melhores remuneradas não necessariamente pelo que fazem, mas sim pela capacidade em fazer.

Talvez o motivo da diferença de nossa opinião esteja nesse ponto e era isso que queria descobrir na sua resposta. Eu penso como um capitalista e defendo tal modo, talvez vc esteja pendendo para o Comunismo, por isso não consegue enxergar uma atitude Justa ou Injusta na venda de um serviço.

Já estudei muito e trabalho duro para ter meu dinheiro, não vou ficar comprando serviços de forma arbitrária somente pelo fato de ter condição de pagar caro por algo simples.

Para encerrar o assunto, pois a decisão do autor do tópico já foi tomada, vamos deixar essa conversa de lado pois sua linha de raciocínio está meio confusa, ao mesmo tempo que tenta defender que não existe certo ou errado, tenta impor seu ponto de vista afirmando não haver forma justa ou Injusta de se avaliar e preço de serviço.

Eu afirmo que tem e minha linha de raciocínio justifica minha opinião.

 

 

Qual a relevância da questão ?????

 

O ponto que estou colocando desde o início é o emprego errôneo dos termos JUSTO e INJUSTO. Eles não cabem aqui (já fui exaustivo nesse aspecto, basta ler outros posts acima)

 

O que cabe aqui é : ADEQUADO ou INADEQUADO ao orçamento e/ou expectativa do cliente.

 

Onde eu levaria ? Envolvem tantas variáveis na questão, tipo: minha experiência no assunto ser menor ou maior , meu poder aquisitivo ser menor ou maior , meu carro ser um fiat 147 ano 1977 ou um Bentley 2015, meu nível cultural ser menor , igual , maior etc etc etc etc etc

 

Sua questão é totalmente fora de contexto , e muito menos possível ainda te responder como se estivesse perguntando quanto é 2 + 2.

 

Mas pra não ser mal educado , te digo que não levaria a loja alguma , faria eu mesmo nos momentos livres (que são poucos ) assim como deixei um de meus carros parado por quase 2 meses na garagem de casa para tal.

 

Sem loja ! rsrsrs :)

Share this post


Link to post
Share on other sites

Ignorância desnecessária na sua resposta!!

Mesmo assim, vou te explicar o motivo da minha pergunta.

Eu como um bom capitalista, defendo o capitalismo, onde as pessoas devem ser remuneradas de acordo com a complexidade do seu trabalho, mão de obra simples (independente do tempo que demorar pra ser feito o serviço), devem ser remuneradas como tal. Serviços mais técnicos e complexos devem ser melhores remuneradas não necessariamente pelo que fazem, mas sim pela capacidade em fazer.

Talvez o motivo da diferença de nossa opinião esteja nesse ponto e era isso que queria descobrir na sua resposta. Eu penso como um capitalista e defendo tal modo, talvez vc esteja pendendo para o Comunismo, por isso não consegue enxergar uma atitude Justa ou Injusta na venda de um serviço.

Já estudei muito e trabalho duro para ter meu dinheiro, não vou ficar comprando serviços de forma arbitrária somente pelo fato de ter condição de pagar caro por algo simples.

Para encerrar o assunto, pois a decisão do autor do tópico já foi tomada, vamos deixar essa conversa de lado pois sua linha de raciocínio está meio confusa, ao mesmo tempo que tenta defender que não existe certo ou errado, tenta impor seu ponto de vista afirmando não haver forma justa ou Injusta de se avaliar e preço de serviço.

Eu afirmo que tem e minha linha de raciocínio justifica minha opinião.

 

 

Ignorância na minha resposta ???? Onde meu camarada ?

 

A partir do momento que já havia me entendido com o autor do tópico e deixado tudo muito bem claro, me fazendo entender também,

 

logo saquei que sua insistência era com um único propósito: Arranjar treta !

 

E sinceramente, não consigo compreender por qual razão.

 

Eu com idéias comunistas ?!?!?! Logo eu ? hehehehehehehe

 

Então tá, vamos lá......o cara que ganha 1 salário mínimo por mês e o almoço dele prato feito no boteco custa R$ 6,00 . É um preço JUSTO PARA ELE.

 

Outro cara tem uma receita mensal por volta de R$ 40~50.000,00 e o almoço dele fica por R$ 150,00 . É JUSTO para o cara que ganha salário

 

mínimo ????? NÃO !!!!! Mas é justo para o cara que ganha 40k .

 

É nesse sentido que me refiro que não existe JUSTO OU INJUSTO nos preços, mas SIM SOMENTE para o consumidor em questão.

 

Então eu jamais posso falar por terceiros se é JUSTO ou INJUSTO para ele, pois se vai ser ou não é inerente a CADA PESSOA .

 

A minha linha de raciocínio é confusa ? Ou você que não está interessado em entender ?

 

Ninguém tem razão mesmo ( TODOS ESTÃO CERTOS NO QUE É TOCANTE aos interesses próprios ), pois o mercado tem sistema econômico

 

que é de livre iniciativa , ele se auto-regula pelos próprios agentes consumidores e fornecedores de produtos e serviços. Não existe intervenção

 

estatal. ( nem precisa ter estudo pra saber disso, no Google tem a explicação)

 

Meu velho, não vou te falar qual minha idade, quantos diplomas tenho de nível superior e muito menos o que conquistei em matéria de patrimônio,

 

pois não cabe nada disso aqui, muito menos a sua "gentileza" em abaixar o nível da discussão, a qual poderia ser proveitosa .

 

Grande abraço :legal:

 

PS: A propósito, emoticons servem pra demonstrar que as pessoas estão postando algo de forma gentil, e não sendo ignorantes conforme

 

mencionou que fui. Não, não me incomodou nem um pouco, pois EU tenho certeza de que não fui.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Chega ser ate engraçado ver voce me acusando de algo que vc fez muito melhor que eu. KKK. Tanta ironia, tentativa de menosprezar minha opnião, texto digitados em caixa alta e depois acha pelo simples fato de colocar um emoticon no final da texto, toda forma pejorativa utilizada será desconsiderada!!! :blink: :blink:

Te comparei aos ideias Comunistas pelo simples fato de ter interpretado que pensa como tal sobre a distribuição de renda sobre os serviços prestados. Caso tenha se ofendido com isso, peço desculpa, não tive a menor intenção de te agredir, até mesmo porque não vejo tal modo de pensar como agressão.

 

Sobre sua pesquisa no Google sobre livre escolha, livre iniciativa, etc. Faltou informar exatamente em que mercado econômico essa teoria tem aplicação. Acreditar que isso funciona por aqui, seria pura utopia !!!

O governo e fornecedores nos limitam a consumir exatamente o que estão dispostos a nos oferecer. nosso Mercado é fechado, mal regulado, desgoverno descontrolado, consumidores burros, falta de liberdade econômica, protecionismo e um poderoso cartel nos fazem consumir o bolo da forma e pagando o preço que eles querem.

Como consumidores consciente, temos pouca opção, acreditar que podemos controlar a economia, talvez seja uma realidade muito distante!!

 

Ignorância na minha resposta ???? Onde meu camarada ?

 

A partir do momento que já havia me entendido com o autor do tópico e deixado tudo muito bem claro, me fazendo entender também,

 

logo saquei que sua insistência era com um único propósito: Arranjar treta !

 

E sinceramente, não consigo compreender por qual razão.

 

Eu com idéias comunistas ?!?!?! Logo eu ? hehehehehehehe

 

Então tá, vamos lá......o cara que ganha 1 salário mínimo por mês e o almoço dele prato feito no boteco custa R$ 6,00 . É um preço JUSTO PARA ELE.

 

Outro cara tem uma receita mensal por volta de R$ 40~50.000,00 e o almoço dele fica por R$ 150,00 . É JUSTO para o cara que ganha salário

 

mínimo ????? NÃO !!!!! Mas é justo para o cara que ganha 40k .

 

É nesse sentido que me refiro que não existe JUSTO OU INJUSTO nos preços, mas SIM SOMENTE para o consumidor em questão.

 

Então eu jamais posso falar por terceiros se é JUSTO ou INJUSTO para ele, pois se vai ser ou não é inerente a CADA PESSOA .

 

A minha linha de raciocínio é confusa ? Ou você que não está interessado em entender ?

 

Ninguém tem razão mesmo ( TODOS ESTÃO CERTOS NO QUE É TOCANTE aos interesses próprios ), pois o mercado tem sistema econômico

 

que é de livre iniciativa , ele se auto-regula pelos próprios agentes consumidores e fornecedores de produtos e serviços. Não existe intervenção

 

estatal. ( nem precisa ter estudo pra saber disso, no Google tem a explicação)

 

Meu velho, não vou te falar qual minha idade, quantos diplomas tenho de nível superior e muito menos o que conquistei em matéria de patrimônio,

 

pois não cabe nada disso aqui, muito menos a sua "gentileza" em abaixar o nível da discussão, a qual poderia ser proveitosa .

 

Grande abraço :legal:

 

PS: A propósito, emoticons servem pra demonstrar que as pessoas estão postando algo de forma gentil, e não sendo ignorantes conforme

 

mencionou que fui. Não, não me incomodou nem um pouco, pois EU tenho certeza de que não fui.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Gente calma é só um fórum. E acho que vocês estão se interpretando de forma equivocada. Easy guys :)

 

Rick pode fechar o tópico sim.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Guest
This topic is now closed to further replies.
Sign in to follow this  

AutoForum.com.br

O fórum para os maniacos por som automotivo e automóveis

×
×
  • Create New...